Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Xarope de erva-doce com hortelã e mel: remédio caseiro para azia

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Este xarope contém ingredientes com ação anti-inflamatória e ajuda a aliviar a queimação provocada pela azia.

A azia é a sensação de queimação na garganta e nas regiões média e superior do peito, além de um gosto ácido na boca.

Esse desconforto é provocado pelo refluxo do suco gástrico, uma substância líquida produzida pelo estômago para auxiliar na absorção de alimentos.

Alguns dos principais fatores que causam azia são:

  • Consumo excessivo de fritura
  • Gordura
  • Bebida alcoólica
  • Cigarro
  • Maus hábitos alimentares

Geralmente, a azia costuma aparecer nas duas primeiras horas após as refeições, sendo mais comum quando a pessoa se deita.

Segundo a Revista Guia da Farmácia, cerca de 40% da população brasileira sofre por episódios de azia e má digestão.

Entretanto, esse problema nem sempre é grave, mas quando ocorre com frequência pode levar a distúrbios digestivos crônicos.

Mas, apesar do extremo desconforto que a azia pode causar, é possível eliminá-la com remédio caseiro.

Uma erva muito indicada nesses casos é a erva-doce, que possui substâncias anti-inflamatórias que aliviam a queimação na garganta e reduzem o refluxo.

Xarope de erva-doce para azia

Este xarope contém ervas com ação anti-inflamatória e ajuda a aliviar a queimação provocada pela azia.

Além do mel, outro ingrediente, que tem propriedades benéficas para o sistema gastrointestinal.

Ingredientes:

  • 2 colheres (sopa) de erva-doce (folhas e sementes frescas)
  • 2 colheres (sopa) de hortelã fresca
  • Meia xícara de mel

Modo de preparo:

Amasse bem as plantas (erva-doce e a hortelã) até formar uma pasta.

Adicione o mel, misture e deixe descansar na geladeira por seis horas.

Após esse repouso, coe e tome uma colher (sopa) desse xarope três vezes ao dia.

Benefícios da erva-doce

A erva-doce é uma planta aromática e com sabor agradável.

Ela contém vitaminas A e C, potássio e outros minerais essenciais para a saúde.

As propriedades anti-inflamatórias da erva-doce são excelentes para acalmar a azia e diminuir o refluxo gástrico. 

Esta erva também possui ácido málico, que ajuda a melhorar as funções digestivas do estômago.

E o anetol, outra substância da erva-doce, ajuda a melhorar a digestão, diminuindo os gases.

Já o seu efeito calmante ajuda a reduzir as cólicas intestinais e seu efeito ajuda a diminuir o inchaço.

Benefícios da hortelã

A hortelã possui ação carminativa e antiespasmódica, auxiliando o sistema digestivo.

Com isso, ajuda a combater o acúmulo de gases estomacais, náuseas, cólicas e distensão abdominal.

A hortelã também é composta por monoterpeno L-mentol, substância que bloqueia os canais de cálcio no músculo liso do intestino delgado.

Como resultado, produz um efeito antiespasmódico no trato gastrointestinal, ajudando a relaxar os músculos estomacais.

Benefícios do mel

O mel contém enzimas digestivas, por isso é benéfico para tratamentos relacionados ao sistema gastrointestinal.

Ele é indicado para quem sofre com gastrite, úlcera ou gastroenterite.

Segundo estudo da Universiti Malaysia Kelantan, Malásia, o mel ajuda contra a doença do refluxo gastroesofágico (DRGE), pois reveste o esôfago e o estômago.

Com isso, evita o fluxo ascendente de comida e suco gástrico, o que ajuda a reduzir o refluxo ácido