Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram

Você toma refrigerante diet? Depois de saber isto, você certamente vai parar de beber!

Um rigoroso estudo que durou dez anos revelou que refrigerante diet está diretamente ligado a ataques cardíacos e derrames.

Impressionante, não é?

Apesar da publicidade tentar nos convencer de que esse tipo de bebida é a opção mais saudável, em nosso organismo, ela age como uma bomba.

Para esclarecer melhor, vamos apresentar um dos maiores culpados: o aspartame, que é um adoçante artificial muito usado na fabricação desse tipo de bebida, em substituição ao açúcar.

A Universidade de Iowa fez uma pesquisa e comprovou que este ingrediente é altamente prejudicial ao coração, podendo desenvolver várias doenças cardíacas.

Nesse, que foi o maior estudo sobre o assunto, cientistas da universidade dconcluíram: "Em comparação às mulheres que nunca ou só raramente consomem bebidas dietéticas, aquelas que consomem duas ou mais por dia têm 30% mais probabilidade de ter um evento cardiovascular [ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral] e 50% têm mais probabilidades de morrer de doenças relacionadas".

Segundo dr. Ankur Vyas, o cientista-chefe do estudo, os resultados se associam aos de alguns trabalhos anteriores, especialmente os que ligam bebidas dietéticas com a síndrome metabólica

A associação persistiu mesmo depois que os pesquisadores ajustaram os dados para explicar as características demográficas e outros fatores de risco cardiovascular, incluindo índice de massa corporal, tabagismo, uso da terapia hormonal, atividade, consumo de sal, diabetes, hipertensão, colesterol alto e consumo de açúcar.

Em média, as mulheres que consumiam duas ou mais bebidas diet por dia eram mais jovens e mesmo assim tiveram uma maior prevalência de diabetes, pressão arterial elevada e maior índice de massa corporal.

Este estudo é mais um alerta contra o consumo de refrigerante diet.

Afora este estudo, a Universidade de Iowa realizou muitas outras pesquisas a respeito do refrigerante dieta e do aspartame.

Se você substituir o açúcar por aspartame, estará fazendo uma péssima escolha.

Esse adoçante artificial é muito pior que o açúcar refinado.

A ciência já descobriu que existem conexões entre o aspartame e doenças como tumores cerebrais, lesões cerebrais e linfomas, além de câncer de bexiga, falência dos rins, danificação das válvulas das veias das pernas e retinopatia, que os médicos atribuem ao diabetes.

Em 1996 a FDA divulgou uma lista de 92 sintomas de envenenamento por aspartame.

Conclui-se, portanto, que o aspartame não é um alimento seguro para consumo humano.

Não consuma aspartame e nada que o contenha.

O adoçante mais seguro é o estévia, que é totalmente natural.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM