Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Você jamais pensou que ácido fólico – que receitam para grávidas – pudesse fazer isto!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Nosso corpo precisa de vitaminas e nutrientes ao longo da vida para se manter saudável.

E se tem uma vitamina indispensável é o ácido fólico.

Ele é solúvel em água e pertence ao complexo B.

Por isso é também conhecido como vitamina B9.

Ele tem uma função muito importante na síntese de células sanguíneas.

E tem mais: ele também ajuda na síntese de ARN e de vários aminoácidos presentes no corpo.

Além disso, o ácido fólico ajuda na regeneração e produção de novas células, que é um processo feito por meio de reações químicas e enzimáticas.

Para obter esses benefícios, você pode investir numa dieta com carne, amendoim, hortelã, salsa, orégano, levedura de cerveja, aipo, espinafre e framboesa, por exemplo.

Infelizmente, quando esses alimentos são submetidos a altas temperaturas, acabam reduzindo a carga nutritiva.

Por isso, para compensar e satisfazer a necessidade do corpo, é bom consumir porções maiores.

Se você precisar do suplemento, converse com seu médico antes.

Os suplementos de ácido fólico são vendidos em farmácias e lojas de produtos para atletas.

É muito importante não ficar com carência desse nutriente.

A deficiência dele é séria e pode causar uma série de danos, como:

  • Retardo mental
  • Distúrbios em crianças
  • Menopausa prematura
  • Estomatite
  • Enxaqueca
  • Anemia
  • Problemas de nervos

Pessoas sedentárias demoram mais tempo para assimilar a vitamina, assim como os fumantes, alcoólatras, mulheres grávidas e as que usam remédios contraceptivos.

Em média, um adulto deve consumir de 200 a 500 mg de ácido fólico por dia.

Se o esforço físico e mental aumentar, principalmente se for causados por estresse ou gripe, pode-se aumentar a dosagem.

DEIXE SEU COMENTÁRIO