Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

A verdade sobre a quinoa – o que ainda não lhe revelaram sobre esse alimento!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Durante os últimos anos, a quinoa ficou bastante popular.

Isso é bom, porque ela é rica em proteínas, fibras e ferro.

Talvez você não saiba, mas a proteína é vital para nossa saúde, uma vez que ajuda a restaurar as células e criar outras novas.

Portanto, a quinoa é uma ótima substituta para o arroz, que é rico em carboidrato e pobre em proteínas.

Além de tudo, a quinoa:

  • É fonte de potássio, por isso é ótima para a recuperação dos músculos
  • Ajuda a manter a frequência cardíaca
  • Regula as funções do corpo
  • É rica em antioxidantes, podendo curar e prevenir doenças
  • Retarda o processo de envelhecimento

Para quem sofre com colesterol ou doença celíaca, saiba que a quinoa não contém glúten e é composta por gordura saudável para o coração.

Ela é riquíssima em nutrientes.

E contém todos os aminoácidos essenciais.

Outra vantagem da quinoa é que ela é rica em magnésio, o que é excelente para os vasos sanguíneos e para quem sofre com enxaqueca.

Acha que para por aqui?

Nada disso!

O magnésio ajuda a reduzir o diabetes tipo 2, uma vez que controla o nível de açúcar no sangue.

Além disso:

  • Regula a temperatura corporal
  • Desintoxica o corpo
  • Produz energia
  • Forma dentes e ossos saudáveis
  • Melhora a transmissão de impulsos nervosos

Agora que você já sabe tudo isso, que tal aprender a cozinhar a quinoa?

O primeiro passo é escolher um alimento orgânico, a fim de garantir a pureza e qualidade.

Lave bem, colocando as sementes numa peneira.

Caso contrário, a quinoa vai ficar com um sabor amargo.

Coloque para ferver duas xícaras de água com uma xícara de quinoa numa panela.

Depois, deixa a panela fechada por 15 minutos em fogo baixo.

Coe e deixe o alimento descansar por mais 15 minutos.

Agora é só comer com alguma proteína magra.

DEIXE SEU COMENTÁRIO