Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Três ótimas receitas caseiras para psoríase

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

A psoríase atinge cerca de 2% da população mundial e entre 1% e 1,5% dos brasileiros.

Ela se manifesta inicialmente nos cotovelos, joelhos, couro cabeludo, mãos, unhas e plantas dos pés, mas pode atingir qualquer área da pele.

Sua causa é desconhecida e pode surgir em ambos os sexos, sem predominância de raça e, de maneira geral, entre os 30 e 40 anos de vida.


Trinta por cento dos psoríacos têm na família um parente consanguíneo doente. 

Alguns fatores desencadeiam e agravam o problema: traumas na pele, como o atrito dos cotovelos com superfícies, abuso de bebida alcoólica, estresse, ansiedade, depressão e fatores imunológicos.

Os tratamentos mais comuns são tópicos, com a aplicação na pele de produtos geralmente à base de corticoide.

Existem bons tratamentos caseiros para a doença.

Esses tratamentos – feitos com regularidade e persistência – costumam apresentar ótimos resultados.

Três desses tratamentos estão a seguir.

INGREDIENTES

1 colher (chá) de dente-de-leão

1 colher (chá) de folhas de bardana

MODO DE PREPARO

Coloque os ingredientes em uma jarra.

Cubra com 500 mL de água fervente e deixe descansar por 10-15 minutos.

Coe e sirva.

Tome duas xícaras por dia até a melhora dos sintomas.

Também pode ser tomado frio.

IMPORTANTE – Mulheres não devem tomar este chá durante a gravidez.

RECEITA 2 – ÁGUA DE BARDANA

INGREDIENTES

2 raízes de bardana cortadas

2 litros de água

MODO DE PREPARO

Corte as raízes de bardana em pedaços pequenos, crus.

Coloque dentro de 2 litros de água e deixe descansar por 2 dias.

Depois, guarde na geladeira e beba um copo diariamente em jejum.  

RECEITA 3 – SUCO DE INHAME

INGREDIENTES

1 maçã

1 limão

1 inhame pequeno ou metade de um médio da variedade conhecida como japonês ou paulista 

Meio litro de água

Mel ou açúcar mascavo (opcional)

MODO DE PREPARO

Esprema o limão, pique o inhame e a maçã.

Bata tudo no liquidificador e sirva com ou sem gelo.

O suco pode ser consumido diariamente. 

DEIXE SEU COMENTÁRIO