Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Tratamento da dengue com homeopatia e fitoterapia

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email



O remédio, entretanto, não pode ser tomado indefinidamente. A melhora quase total se dará num período de três a cinco dias, mas deve-se continuar a tomar o remédio por mais uns 10 dias e depois suspender.

A homeopatia é preventiva. Se o organismo estiver fortalecido como um todo, não contrairá outros tipos de doença também.

Do mesmo modo, a fitoterapia age preventivamente, mas a ação é mais limitada do que a da homeopatia.

O tratamento pode ser feito inclusive na fase aguda da doença.

A citronella e a arruda, plantadas em vasos ou usadas como incenso, podem espantar o mosquito da dengue.

Para mandar manipular os remédios, não há necessidade de prescrição médica. Basta ter o conhecimento dos remédios certos e saber como usá-lo.

HOMEOPATIA

1 – Preventivo para dengue comum e hemorrágica



Eupatorium Perfoliatum CH5 – 5 gotas duas vezes ao dia durante três dias.
Phosphorus CH5, Sulphur CH5 e Tuberculinum CH12, em frascos diferentes, alternados – 5 gotas duas vezes ao dia durante 15 dias.

2 – Para quem está com os sintomas da dengue

Eupatorium Perfoliatum CH30 – 5 gotas cinco vezes ao dia nos três primeiros dias e depois duas vezes ao dia por mais 12 dias.

3 – Para quem está com dengue hemorrágica

Crotalus Horridus CH30 e Phosphorus CH30 alternados – 5 gotas cinco vezes ao dia nos três primeiros dias e depois duas vezes ao dia por mais 12 dias.

PLANTAS MEDICINAIS

1 – Para quem já está com os sintomas da dengue

Usar cavalinha, erva-tostão, melissa, guaco, erva-cidreira e picão.

Usar uma colher de sopa de cada erva. Levar ao fogo um litro de água. Assim que ferver, desligar o fogo e colocar as plantas, tampando o recipiente por 15 minutos. Tomar várias vezes ao dia por seis dias consecutivos.

Alternar o chá com folha de melão-de-são-caetano e folha de mamão. Seguir a mesma forma de preparo e posologia.

Informações retiradas de:
http://www.homeopatias.com/perg_resp_tratamento_dengue.php
Segundo a homeopata Eliete Fagundes, professora da Universidade Federal de Viçosa, MG, o tratamento homeopático da dengue é preventivo, mas também ameniza os sintomas da doença nas primeiras horas e remove os sintomas em poucos dias.



O remédio, entretanto, não pode ser tomado indefinidamente. A melhora quase total se dará num período de três a cinco dias, mas deve-se continuar a tomar o remédio por mais uns 10 dias e depois suspender.

A homeopatia é preventiva. Se o organismo estiver fortalecido como um todo, não contrairá outros tipos de doença também.

Do mesmo modo, a fitoterapia age preventivamente, mas a ação é mais limitada do que a da homeopatia.

O tratamento pode ser feito inclusive na fase aguda da doença.

A citronella e a arruda, plantadas em vasos ou usadas como incenso, podem espantar o mosquito da dengue.

Para mandar manipular os remédios, não há necessidade de prescrição médica. Basta ter o conhecimento dos remédios certos e saber como usá-lo.

HOMEOPATIA

1 – Preventivo para dengue comum e hemorrágica



Eupatorium Perfoliatum CH5 – 5 gotas duas vezes ao dia durante três dias.
Phosphorus CH5, Sulphur CH5 e Tuberculinum CH12, em frascos diferentes, alternados – 5 gotas duas vezes ao dia durante 15 dias.

2 – Para quem está com os sintomas da dengue

Eupatorium Perfoliatum CH30 – 5 gotas cinco vezes ao dia nos três primeiros dias e depois duas vezes ao dia por mais 12 dias.

3 – Para quem está com dengue hemorrágica

Crotalus Horridus CH30 e Phosphorus CH30 alternados – 5 gotas cinco vezes ao dia nos três primeiros dias e depois duas vezes ao dia por mais 12 dias.

PLANTAS MEDICINAIS

1 – Para quem já está com os sintomas da dengue

Usar cavalinha, erva-tostão, melissa, guaco, erva-cidreira e picão.

Usar uma colher de sopa de cada erva. Levar ao fogo um litro de água. Assim que ferver, desligar o fogo e colocar as plantas, tampando o recipiente por 15 minutos. Tomar várias vezes ao dia por seis dias consecutivos.

Alternar o chá com folha de melão-de-são-caetano e folha de mamão. Seguir a mesma forma de preparo e posologia.

Informações retiradas de:
http://www.homeopatias.com/perg_resp_tratamento_dengue.php

DEIXE SEU COMENTÁRIO