Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram

Tome isto todas as manhãs para combater fibromialgia, artrite e lúpus!

A fibromialgia é uma doença difícil de ser tratada.

Ela é na verdade uma síndrome, ou seja, um mal que apresenta vários sintomas.
 
O principal deles é a dor crônica que atinge vários pontos do corpo e se manifesta especialmente nos tendões e nas articulações.
 
É uma patologia que ataca mais as mulheres: 90% das vítimas são do sexo feminino e têm entre 35 e 50 anos.
 
Ela pode ter como causa fadiga, distúrbios do sono, depressão e ansiedade.
 
A causa real da fibromialgia, porém, é muito controversa ainda.
 
O que se observa é que os níveis de serotonina são mais baixos nos portadores da doença e que desequilíbrios hormonais, tensão e estresse podem estar relacionados com a doença..
 
Sintomas
 
– Dor generalizada e recidivante
 
– Fadiga
 
– Falta de disposição e energia
 
– Alterações do sono que é pouco reparador
 
– Síndrome do cólon irritável
 
– Sensibilidade durante a micção
 
– Cefaleia
 
– Distúrbios emocionais e psicológicos
 
O tratamento natural da da fibromialgia prioriza uma melhora do estado emocional, o uso de vitamina D (sol e suplemento), a prática de exercícios físicos e da acupuntura.
 
E há seis alimentos que devem fazer parte da dieta de quem padece da doença:
 
– Cravo
 
– Couve
 
– Cúrcuma (açafrão-da-terra)
 
– Pimenta-caiena
 
– Sálvia
 
– Gengibre
 
Todos esses alimentos contêm substâncias muito úteis ao tratamento da fibromialgia.
 
A cúrcuma, o cravo e o gengibre, por exemplo, têm forte atividade anti-inflamatória.
 
E a couve é boa fonte de magnésio, que, só para você ter ideia da importância dele, participa de mais de 300 reações bioquímicas do organismo.
 
É importante também evitar estes alimentos:
 
– Leite e derivados
 
– Açúcar branco
 
– Café e tudo que tenha cafeína
 
– Glúten
 
– Carnes processadas (salsicha, linguiça, fiambre, presunto, mortadela…)
 
Alimentos com glutamato monossódico

SUCO PARA TRATAR FIBROMIALGIA
 
Um excelente remédio caseiro para fibromialgia é o suco de laranja com couve.
 
A couve é, na realidade, o segredo da receita, pois ela é rica num ingrediente muito importante para o bom funcionamento do corpo: o magnésio.
 
Só para você ter uma ideia da importância desse mineral, ele é essencial para o bom funcionamento do nosso corpo, pois participa de mais de 300 reações bioquímicas do organismo.
 
A couve ainda é rica em vitamina B5 ou ácido pantotênico.

A vitamina B5 age em muitos distúrbios, como perda de cabelo, alergias, estresse, ansiedade, doenças respiratórias e problemas cardíacos.
 
Além disso, essa vitamina ajuda a melhorar a imunidade, a osteoartrite, atenua sinais de envelhecimento, aumenta a resistênci, combate infecções, diabetes e doenças da pele.
 
A vitamina B5 ainda atua em problemas mentais, como ansiedade e estresse.
 
A couve também é boa fonte de cálcio, ferro e fósforo e das vitaminas A, B e C, que ajudam a tonificar os músculos, fortalecer os ossos, melhorar a circulação sanguínea, aumentar a energia e desintoxicar o organismo.
 
Vamos aprender a receita do suco que é excelente tratamento contra a fibromialgia?
 
Anote:
 
INGREDIENTES
 
1 copo de suco puro de laranja
 
2 folhas de couve
 
MODO DE PREPARO
 
Bater todos os ingredientes no liquidificador e tomar a seguir, sem coar.
 
Recomenda-se tomar este suco duas vezes ao dia, uma em jejum e outra ao final da tarde.
 
Este remédio caseiro deve ser tomado diariamente e, em aproximadamente 1 mês, a pessoa se sentirá melhor.
 
Uma boa dica é, ao sair, levar as folhas de couve lavadas e picadas dentro de um saquinho e, quando for a uma lanchonete ou a um restaurante, pedir para batê-las com o suco puro de laranja.

Este suco também é ótimo para tratar artrite e lúpus.

Mas quem tem problemas de tireoide não deve consumi-lo todos os dias por causa da couve.


 
SOPA PARA TRATAR FIBROMIALGIA
 
Esta sopa tem forte ação anti-inflamatória pela presença da cúrcuma (açafrão-da-terra) e do gengibre.
 
É por isso que é muito indicada para quem tem fibromialgia, pois seu consumo frequente pode, em razão dos anti-inflamatórios naturais contidos nela, aliviar as dores da doença.
 
Eis a receita:
 
INGREDIENTES
 
1 colher (sopa) de azeite extravirgem de oliva ou óleo de coco
 
2 talos de cebolinho
 
1 folha de couve
 
1 pedaço de 4-5 centímentros de raiz de gengibre ou 1 colher (chá) de gengibre em pó
 
1 pedaço de 4-5 centímetros de raiz de cúrcuma ou 1 colher (chá) de cúrcuma em pó
 
1 litro de caldo de legumes (receita abaixo)
 
MODO DE PREPARO
 
Comece preparando o caldo de legumes: cozinhe em 1 litro de água 2 cenouras, 1 cebola, meio chuchu, alguns pedaços de abóbora e de inhame e uma pitadinha de sal.
 
Quando estiverem "al dente", ou seja, nem muito duros nem muito macios, desligue o fogo e separe a parte líquida dos sólidos.
 
É esse líquido, o caldo de legumes, que você vai usar na sopa.
 
A parte sólida, você pode guardar na geladeira e usar no almoço ou no jantar.
 
Vamos começar de fato agora a preparar a nossa sopa.
 
Aqueça a panela em fogo médio.
 
Adicione o o azeite extravirgem de oliva ou o óleo de coco com um pouco de gengibre ralado ou em pó.
 
Coloque o caldo de legumes e deixe ferver.
 
Depois de ferver, ponha o açafrão e abaixe o fogo.
 
Pique o cebolinho e a couve e misture-os na sopa, espere um pouco e desligue o fogo.
 
Pronto!
 
Você já pode desfrutar desta sopa medicinal.
 
Se tiver salsinha em casa, use para decorar seu prato de sopa.
 
Pode tomá-la diariamente (ou sempre que possível) no almoço e/ou no jantar.
 
Se tiver problemas de tireoide, faça sem couve.
 
Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM