Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Tome este remédio, descongestione o nariz e fique livre da sinusite e dor de cabeça!

Só quem sofre com sinusite sabe como é difícil conviver com dores de cabeça e congestão nasal.

Felizmente, o consumo da receita que ensinaremos nesta matéria ajudará bastante a aliviar os sintomas tão incômodos.
A
inda que você não seja uma vítima da sinusite, o chá aromático que trouxemos neste post é perfeito para noites frias de inverno.

A receita é muito simples e é à base de três ingredientes poderosos, com propriedades antibacterianas e antissépticas.

Estamos falando de capim-limão, gengibre e cravo-da-índia.

O capim-limão tem propriedades expectorantes, o que ajuda a manter o bom funcionamento das vias aéreas, evitando febre e congestão nasal.

Esta erva é ótima para combater dores na cabeça, além de ser uma ótima fonte de vitamina A, C, magnésio, potássio e cálcio.

Quer mais?

Ela tem propriedades antioxidantes e antimicrobianas.
 
O gengibre ainda é conhecido por prevenir e tratar gripes.

Isso acontece, de forma resumida, porque a raiz fortalece o sistema imunológico.

E também estimula a transpiração do corpo, eliminando toxinas.

Outro benefício é a sua ação antibacteriana.

O cravo-da-índia, por sua vez, é um ótimo analgésico.

Ele também é ótimo para tratar gripes e resfriados.

Veja como preparar o chá:

INGREDIENTES

Meio litro de água

1 colher (sopa) de capim-limão seco ou 2 colheres (sopa) da erva fresca

1 pedaço de 4cm de gengibre fresco cortado em pedaços

6 cravos-da-índia

1 colher (chá) de erva-doce

MODO DE PREPARO

Coloque a água para ferver com o gengibre.

Quando começar a ferver, adicione os outros ingredientes, desligue o fogo e tampe a panela.

Espere 20 minutos.

Depois coe e beba.

A receita rende duas xícaras.

Tome a outra três horas depois.

Beba diariamente este chá por duas semanas ou em períodos de crise da sinusite.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

DEIXE SEU COMENTÁRIO