- PUBLICIDADE -

Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Suco para dores nas articulações: trata artrite, artrose, tendinite, osteoartrite e bursite

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Todos os ingredientes contêm antioxidantes e ação anti-inflamatória que ajudam a proporcionar alívio aos desconfortos musculares.

A dor articular se apresenta em qualquer articulação e a qualquer momento.

Ela pode ser sentida nos joelhos, cotovelos, pulsos, ombros e nas costas, mas também pode ser na forma de espasmos musculares.

Estas dores podem ser um sintoma de lesões ou diferentes condições articulares, como:

  • Artrite
  • Artrose
  • Tendinite
  • Osteoartrite
  • Bursite

Artrite

A artrite é uma inflamação que acomete as articulações, causando dor e rigidez que podem piorar com a idade.

Há diversos tipos de artrite, porém a mais comum é a reumatoide, que atinge as articulações das mãos e pés, tornozelo e joelhos.

Essa condição é  mais comum em mulheres na faixa dos 30 aos 50 anos. 

Dentre os sintomas mais comuns estão: inchaço, vermelhidão na pele, diminuição da amplitude de movimento e rigidez.

Artrose

A artrose é um processo de degeneração da cartilagem de várias articulações, porém as mais acometidas são as dos joelho, quadril, coluna e mãos.

Como a doença é mais degenerativa do que inflamatória, atinge principalmente pessoas acima de 50 anos.

A artrose costuma apresentar sintomas como inchaço e dores nas articulações afetadas, movimentos limitados, queimação em alguns pontos e dores no início do movimento.

Tendinite

A tendinite se caracteriza como uma irritação ou inflamação de um tendão, que é a parte final do músculo.

Essa condição costuma comprometer o ombro, cotovelo, punho, joelho ou o tornozelo, podendo ser aguda ou crônica.

O sintoma característico da tendinite é a dor, mas, dependendo da localização da inflamação, podem ocorrer também inchaço, rigidez e sensibilidade na área afetada.

Osteoartrite

A osteoartrite é caracterizada pelo desgaste da cartilagem articular e por alterações ósseas. 

As articulações mais afetadas são as da coluna, mãos, joelhos e coxofemurais – que é a ligação da coxa com o quadril.

Nessa doença é difícil aparecer sintomas, mas quando eles surgem geralmente são:

  • Dor nas articulações, que começa aos poucos e aumenta de intensidade com o passar dos anos. 
  • Rigidez e diminuição da mobilidade articular. 
  • Perda de flexibilidade e, em alguns casos, a pessoa pode não conseguir mais dobrar determinada articulação como antes.
  • Rangidos e estalos na articulação.
  • Inchaço, quando há inflamação.

Bursite

A bursite é a inflamação da bursa, pequena bolsa que contém líquido que envolve as articulações.

Essa bolsa atua como um amortecedor entre ossos, tendões e tecidos musculares. 

A bursite afeta os ombros, cotovelos e joelhos, tendo como sintomas mais comuns a dor, inchaço, inflamação e restrição de movimento.

Tratamentos disponíveis

Esses problemas costumam ser tratads com medicamentos analgésicos e anti-inflamatórios.

No entanto, alguns ingredientes naturais contêm em sua composição propriedades que ajudam a reduzir a dor e a inflamação.

Portanto, se você deseja preparar o próprio remédio natural contra dores nas articulações, ensinaremos na sequência.

A receita nada mais é do que um suco com laranja, limão e açafrão-da-terra.

Todos esses ingredientes contêm antioxidantes com ação anti-inflamatória que ajuda a proporcionar certo alívio aos desconfortos musculares.

Benefícios da laranja

A laranja é uma fruta rica em bioflavonoides de citrino, que são responsáveis pela coloração das plantas.

Essa substância, junto com a vitamina C, proporciona ação antioxidante e anti-inflamatória.

Com isso, ajuda na dilatação dos vasos sanguíneos e na boa circulação, além de reduzir o inchaço e a inflamação das articulações.

A laranja também contém fitonutrientes como zeaxantina e a betacriptoxantina, que protegem contra o dano oxidativo que pode resultar em inflamação.

Benefícios do limão

Rico em vitaminas A, C, E e antioxidantes, o limão é muito eficaz contra as dores nas costas e articulações.

Porém, é necessário utilizar também a casca da fruta, já que nela está contida a maior parte dos benefícios do limão.

Ela contém os óleos esse citronela e felandreno, que se juntam à vitamina C, ácido cítrico, ácido málico, ácido fórmico e pectinas.

Segundo estudo da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), a vitamina C contém propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes que ajudam a manter o colágeno do corpo.

Além disso, de acordo com estudo do Hospital Evangelismos, na Grécia, o limão ajuda a aliviar a dor articular devido à grande quantidade de potássio contida na fruta.

Benefícios do açafrão

O açafrão é rico em curcumina, uma substância com efeito anti-inflamatório e antioxidante.

Devido a esta ação anti-inflamatória, o açafrão auxilia no tratamento da artrose, osteoartrite, artrite reumatoide e inflamações em geral que atingem as articulações do corpo e provocam muita dor para se locomover.

Um estudo da Universidade do Arizona examinou os efeitos do açafrão em ratos com artrite reumatoide e concluiu que a curcumina inibiu a inflamação das articulações.

Suco para dor nas articulações

Este suco contém propriedades terapêuticas importantes, que ajudam a combater inflamações e dores nas articulações.

Ingredientes:

  • 1 laranja
  • 1 limão
  • 1 colher (chá) de açafrão em pó ou ralado
  • 200 ml de água
  • 1 colher (sopa) de mel puro para adoçar

Modo de preparo:

Descasque a laranja, corte em pedaços pequenos e reserve – remova as sementes.

Em seguida, lave bem o limão e corte em quatro partes – mantenha a casca e remova apenas as sementes.

Coloque todos os ingredientes no liquidificador – com exceção do mel – e bata até obter uma bebida homogênea.

Coe, adoce com o mel e beba em seguida – recomenda-se tomar este suco pela manhã e sempre em jejum, por uma semana.

Depois, você pode fazer uma pausa de sete dias e recomeçar o tratamento.

Importante:

Este suco é apenas um complemento para o tratamento e alívio da dor.

Você deve consultar um médico em qualquer caso e a opinião do profissional deve sempre prevalecer.

Mais Lidas