Suco de laranja: estudo mostra que a bebida ajuda a equilibrar a microbiota intestinal em obesos

Imagem: Depositphotos

Estudo realizado pela USP apontou que o suco de laranja pode ajudar a reduzir o risco de doenças relacionadas à obesidade.

O consumo de frutas é fundamental para uma dieta saudável e equilibrada, pois são fontes essenciais de nutrientes importantes para o organismo.

O consumo regular, tanto das frutas quanto do seu suco, pode ajudar a reduzir o risco de doenças crônicas, diabetes, pressão alta, câncer e problemas cardíacos.

A laranja, por exemplo, é uma fruta amplamente consumida no mundo, conhecida por sua riqueza em vitamina C e outros nutrientes essenciais. 

Mas no caso do suco, dados do site brasilagro mostram que o Brasil ainda não possui um mercado maduro nesse setor, se comparado com os Estados Unidos.

De acordo com as informações, os brasileiros consomem aproximadamente 260 milhões de litros de suco de laranja por ano, uma média de 1,2 litros por pessoa.

Enquanto isso, os americanos consomem 3 bilhões de litros ao ano, cerca de 9,1 litros por pessoa.

No entanto, uma pesquisa realizada pela Universidade de São Paulo (USP) pode ajudar a mudar essa realidade, principalmente para quem está acima do peso.

Segundo o estudo, o suco de laranja contém hesperidina e narirutina, duas flavonas  que ajudam a reduzir o risco de doenças relacionadas à obesidade.

Além disso, melhorou de maneira significativa a microbiota intestinal (bactérias boas) em pessoas obesas.

De acordo com os pesquisadores, as flavonas (flavonóides) são metabolizadas pela microbiota intestinal.

Consequentemente, produzem alguns compostos e, junto com a vitamina C são absorvidos pelo organismo, melhorando, assim, a microbiota intestinal.

O consumo diário de suco de laranja também reduziu os níveis de colesterol ruim (LDL) e o colesterol total.

Outros benefícios do suco de laranja

  • Fortalece o sistema imunológico;
  • Ajuda a reduzir a inflamação;
  • Melhora a absorção de ferro pelo organismo;
  • Melhora a digestão, prevenindo a prisão de ventre;
  • Ajuda a controlar a pressão arterial;
  • Reduz o risco de doenças cardíacas;
  • Ajuda a manter o corpo hidratado;
  • É uma boa fonte de carboidratos;
  • Protege as células do corpo contra os danos causados pelos radicais livres.

Leia também: