Hidrocólon ou colonterapia | Cura pela Natureza.com.br

Hidrocólon ou colonterapia

-->
Tratamento para o intestino, também conhecido como hidrocolonterapia, colônico e hidroterapia de cólon


A colonterapia é uma técnica muito conhecida e utilizada fora do Brasil há anos. Antigamente a limpeza intestinal era feita em casa, com irrigadores, para baixar a febre e livrar de possíveis problemas de saúde.


Hoje a técnica se modernizou e é feita em clínicas por pessoas especializadas, que realizam uma limpeza muito mais completa que a conseguida com o “rudimentar” irrigador.

Durante o tratamento podem ser utilizadas misturas com ervas, fitoterápicos e café para tratamento específico de fígado, vesícula, hipertensão, diabete, etc. O enema de café ajuda no esvaziamento da vesícula biliar, assim como na drenagem e purificação do fígado.

Indicações

  • Constipação; colites; diarréias; gases/flatulências; parasitoses; doenças de Crohn e auto-intoxicação por sangue - que traz como conseqüência cansaço, envelhecimento precoce da pele e perda de apetite sexual; perda da fertilidade; sinusite; rinite; edemas; osteoporose; transtornos linfáticos; celulite; acne; eczemas; alergias; depressão; asma; bronquite; artrose; lombalgia; afecções hepáticas e obesidade.
  • Tem ação diurética, favorecendo a excreção de toxinas; diminui ou até elimina a TPM e cólicas menstruais; recupera a digestão e a absorção de nutrientes; desintoxica em casos de má alimentação, alcoolismo e drogas; regulariza o colesterol, triglicérides, glicemia e ácido úrico; revitaliza o sistema imunológico e melhora a regeneração celular; ajuda na redução de peso; revitaliza a flora intestinal; livra de toxinas outros órgãos, como rins e pulmões; alivia dores e febre; combate o estresse, porque elimina sintomas secundários de intoxicação, como irritabilidade, cansaço e debilidade; é coadjuvante em tratamentos de estética, plásticas, prevenção e redução de celulite.

Contraindicações

  • Enfermidades cardíacas severas, hipertensão arterial não controlada, aneurisma, hemorragia ou perfuração do trato intestinal, hemorróidas severas, carcinoma de cólon, fístulas e fissuras no cólon, gravidez, insuficiência renal e cirurgia recente do cólon.

Texto adaptado do site http://www.susikelly.com.

Observação

  • Você pode fazer a limpeza intestinal em casa. Basta comprar um irrigador (vende em lojas de material médico-hospitalar). Use café bem fraquinho (para limpar fígado e vesícula), água potável ou chá de camomila (para acalmar). O líquido deve estar de preferência morno. Mas lembre-se: o enema não substitui a colonterapia, pois esta faz uma limpeza completa.

Como fazer o enema


Escolha um local tranquilo (uma cama, de preferência). 

Pendure o irrigador na parede ou em um lugar alto. Encha-o com água limpa, chá ou café bem fraquinho. Deite-se do lado esquerdo e introduza a cânula no ânus (passe um pouco de óleo vegetal para facilitar). Relaxe. Deixe o líquido cair completamente. Segure um pouco, pelo menos 15 minutos, para que as fezes se soltem e para que o chá ou café faça efeito. Vá ao banheiro e evacue.

Encha novamente o irrigador e repita o processo, desta vez deitando do lado direito.

Use de 500 ml a um litro de líquido de cada lado.

Faça isso duas vezes por semana, durante um ou dois meses ou pelo tempo que achar necessário.