Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Se isto aparecer nas suas pálpebras, pode ser o sinal de um ataque cardíaco

Você sabe o que é xantelasma?

É um depósito de gordura amarelado bem demarcado que aparece na pele, geralmente em torno das pálpebras.

Mais precisamente, nas pálpebras superiores e inferiores, perto do canto interno do olho.

O termo xantelasma é derivado do grego “xanthos” = ‘amarelo’ e “elasma” = ‘placa metálica’. 

Se você tem ou conhece alguém com xantelasma, precisa ficar atento.

Ele pode ser um sinal de doenças cardíacas.

E quem revelou isso foi um estudo publicado no British Medical Journal.

A ligação entre xantelasma e doenças cardíacas

Tanto homens como mulheres podem ter xantelasma, especialmente depois dos 40. 

Essas pequenas placas amareladas são o resultado de depósitos de gordura e indicam um nível muito alto de colesterol em quase metade dos pacientes afetados com essa condição.

O crescimento dessas placas é suave e indolor e não afeta a visão.

Na verdade, as pessoas com xantelasma geralmente procuram ajuda médica mais por motivos estéticos, porque ele compromete a aparência. 

Ou seja, a estética é a principal razão pela qual as pessoas decidem removê-lo, sem considerá-lo um aviso de uma doença mais grave.

Evidência científica

Uma pesquisa confirmou a ligação entre xantelasma e doença cardíaca.



O professor Tibjaerg Hansen, que liderou a equipe, chegou a conclusões que vão mudar a maneira como vemos esse problema aparentemente inofensivo e visto como irrelevante tanto por médicos e pacientes.

Homens afetados com xantelasma têm um risco 12% maior de ataque cardíaco. 

E aqueles com idade entre 70-79 anos têm um risco ainda maior.

Mulheres com xantelasma têm um risco 8% maior de ataque cardíaco em oposição àquelas que não são afetadas.

Portanto, pelo estudo, os homens com xantelasma são mais propensos à doença cardíaca do que as mulheres que também têm essa placa nas pálpebras.

Os pesquisadores explicam que o xantelasma ajuda a fazer uma previsão mais precisa de doenças cardíacas.

O estudo concluiu que xantelasma pode indicar um ataque cardíaco, aterosclerose grave e problemas graves do coração, independentemente de outros fatores, tais como obesidade, tabagismo e pressão arterial elevada.

Em resumo, presença de casos de xantelasma indica uma maior probabilidade de doença cardíaca, ataque cardíaco e morte por doenças do coração. 

E as pessoas que têm essas placas amarelas em suas pálpebras são mais susceptíveis de sofrer um ataque cardíaco e, talvez, fiquem neste grupo de risco e de atenção por um período de 10 anos.

Assim, se esses crescimentos amarelos aparecerem em suas pálpebras, é importante você verificar imediatamente os níveis de colesterol.

E passar a se cuidar mais para se livrar rápido da ameaça de uma doença cardíaca fatal.

Uma pesquisa confirmou a ligação entre xantelasma e doença cardíaca.



O professor Tibjaerg Hansen, que liderou a equipe, chegou a conclusões que vão mudar a maneira como vemos esse problema aparentemente inofensivo e visto como irrelevante tanto por médicos e pacientes.

Homens afetados com xantelasma têm um risco 12% maior de ataque cardíaco. 

E aqueles com idade entre 70-79 anos têm um risco ainda maior.

Mulheres com xantelasma têm um risco 8% maior de ataque cardíaco em oposição àquelas que não são afetadas.

Portanto, pelo estudo, os homens com xantelasma são mais propensos à doença cardíaca do que as mulheres que também têm essa placa nas pálpebras.

Os pesquisadores explicam que o xantelasma ajuda a fazer uma previsão mais precisa de doenças cardíacas.

O estudo concluiu que xantelasma pode indicar um ataque cardíaco, aterosclerose grave e problemas graves do coração, independentemente de outros fatores, tais como obesidade, tabagismo e pressão arterial elevada.

Em resumo, presença de casos de xantelasma indica uma maior probabilidade de doença cardíaca, ataque cardíaco e morte por doenças do coração. 

E as pessoas que têm essas placas amarelas em suas pálpebras são mais susceptíveis de sofrer um ataque cardíaco e, talvez, fiquem neste grupo de risco e de atenção por um período de 10 anos.

Assim, se esses crescimentos amarelos aparecerem em suas pálpebras, é importante você verificar imediatamente os níveis de colesterol.

E passar a se cuidar mais para se livrar rápido da ameaça de uma doença cardíaca fatal.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

DEIXE SEU COMENTÁRIO