Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Sálvia (Salvia officinalis)

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
A sálvia é anti-inflamatória, adstringente, antiespasmódica, tônica e estimulante da digestão.

É indicada nos casos de inapetência, edema, afecções da boca, afta, tosse e bronquite.

Principais usos


  • Inflamação da garganta – Tomar o chá e fazer gargarejo.

  • Sinusite – Tomar o chá e fazer inalação.

  • Má digestão, vômito, problemas gástricos e intestinais, dor de cabeça devido à má digestão – Fazer um chá com dez gramas da erva para um litro de água e tomar de três a quatro xícaras ao dia.

  • Dentes fracos, gengivas sensíveis e inflamadas, mau hálito, afta – Esfregar folhas frescas nos dentes ajuda a branqueá-los. Tomar o chá e fazer bochecho três vezes ao dia.

  • Feridas (feridas velhas, úlceras varicosas, etc.) – Tomar o chá da erva como indicado acima. Fazer um chá forte com 50 gramas da erva e um litro de água para lavar o local três vezes ao dia.
Observação: A sálvia diminui a produção de leite das mães que amamentam.

DEIXE SEU COMENTÁRIO