- PUBLICIDADE -

Error: Embedded data could not be displayed.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Reishi, o cogumelo da imortalidade: previne várias doenças, inclusive o câncer

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Um fungo milenar que previne e combate inúmeras doenças, inclusive o câncer.

O Ganoderma lucidum é da família das Ganodermataceae.

Também conhecido por cogumelo ling zhi (China) ou reishi (Japão).

Outros nomes populares: “cogumelo do imperador, “cogumelo divino” e “cogumelo da longevidade”.

Na China antiga, esse poderoso fungo era consumido apenas pelo imperador e pessoas de notória importância.

O reishi foi classificado como a melhor das plantas superiores, superando o ginseng.

Ele tonifica nutre o sangue, o coração e acalma.

A ciência moderna já se rendeu à enorme riqueza de nutrientes e propriedades medicinais do cogumelo reishi.

Atualmente é estudado no mundo todo devido às suas inúmeras propriedades benéficas à saúde.

É uma das plantas mais pesquisadas hoje em dia na China, na Coreia , no Japão, no Canadá e nos Estados Unidos.

Sua função como complemento nutricional e como poderoso medicamento está mais do que comprovada por décadas de estudos científicos no Oriente e no Ocidente.

O reishi possui mais de 200 nutrientes para o organismo humano, dos quais 150 são importantes antioxidantes.

Segundo o médico e professor José de Felippe Júnior, autor do livro Ancologia Médica-Fisiopatogenia e Tratamento, o Ganoderma lucidum é um poderoso agente anti tumoral por ter glucana e triterpenoides que aumentam a função da cadeia mitocondrial.

Ou seja, ele faz a mitocôndria funcionar e isso faz parar a proliferação celular, o que o torna eficaz em inúmeras doenças, inclusive no câncer.

Os polissacarídeos contidos nele turbinam o sistema imunológico e ainda incrementam os níveis de imunoglobina, o que faz produzir uma resposta maior contra bactérias, vírus e células malignas.

De acordo com estudo do Internacional Jornal of Ancology, ele também reduz os efeitos colaterais da quimioterapia e impede a proliferação de células cancerosas.

Por ter ação antiviral, seu uso contínuo ajudar a levantar as defesas do organismo, o que o torna importante para prevenir varias doenças .

É regulador do sistema cardiovascular, ajuda a prevenir a angina e o endurecimento das artérias.

Possui um esteroide chamado ganodesterone, que é um anti-hepatotóxico.

Aliás, um dos usos mais antigos do Ganoderma é no combate de afecções do fígado.

Benefícios do Reishi

É antitumoral, antibacteriano, antienvelhecimento, antiviral, antidiabético, anti-histamínico, quimiopreventivo, hepatoprotetor, anti-hipertensivo, imunomodulador, imunoestimulante, antioxidante, anti-inflamatório e analgésico.

O reishi é indicado no combate de várias enfermidades, como:

  • Ansiedade
  • Insônia
  • Alergias
  • Herpes simples e zoster
  • Aterosclerose
  • Asma
  • Bronquite
  • Tosse
  • Diabetes melitus
  • Hipertensão
  • Esquecimento
  • Fadiga física e mental
  • Perda de memória
  • Hepatite B
  • Câncer
  • Aids

Valor nutricional

É uma valiosa fonte de vitaminas e sais minerais como ferro, magnésio, potássio, selênio, cálcio, vitaminas B1, B2 e B7 e pró-vitaminas A e D.

Possui expressiva quantidade de fibras e suas proteínas são ricas em aminoácidos essenciais, tais como a lisina e a leucina.

Contém ainda aminoácidos como a glicina, valina, prolina, treonina, ácido aspártico, ácido glutâmico.

O Ganoderma lucidum pode ser encontrado em lojas de produtos naturais e orientais in natura ou sob a forma de cápsulas.

É possível obtê-lo em farmácias de manipulação, mas de preferência deve ser prescrito por um médico ou nutricionista.

Também é encontrado em forma de farinha, conhecida como farinha do imperador, desenvolvida pela Embrapa em parceria com o Centro Universitário de Brasília.

Nesse caso, pode ser adicionado em sucos, sopas, chás e molhos.

Sustentado por milhares de anos de uso, o Ganoderma é considerado praticamente livre de efeitos colaterais.

Os pacientes que tomam anticoagulante, porém, devem tomar cuidado ao usá-lo.

Estudos revelaram-no como um grande adaptogênico, ainda melhor que o ginseng.

Os adaptogênicos são ervas que podem ajudar o corpo humano a lidar com os efeitos negativos do estresse, ajudando a normalizar as funções internas do nosso corpo.

O rishi ajuda a fornecer o equilíbrio do organismo como um todo, aumentando suas defesas naturais.

Diante de todo esse potencial, o reishi ter a fama de “o cogumelo da imortalidade” é mais do que justo, pois ele tem demonstrado ser capaz de prolongar a vida e manter o indivíduo saudável até a velhice.