Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram

Pesquisadores ensinam a postura correta de fazer cocô – e acredite, isso faz muita diferença!

Dá para acreditar que a civilização ocidental aprendeu a fazer cocô de forma errada?

Isso mesmo!

Embora não seja um assunto muito agradável, é importante ser discutido.

Cientistas da Universidade de Stanford afirmam que nosso corpo foi criado para eliminarmos as fezes agachados e não sentados.

Talvez você esteja pensando que a posição é irrelevante, mas se seu foco é a saúde, melhor não ignorar a informação que trouxemos.

Para começo de conversa, a eliminação fecal realizada de forma errada pode causar:

– Inflamação intestinal

– Hérnia de disco

– Diverticulose

– Hemorroidas

– Câncer de cólon

Pesquisadores observaram 28 voluntários que fizeram cocô em três posições diferentes:

– Sentados num vaso baixo

– Sentados num vaso sanitário alto

– De cócoras

O resultado desse estudo é incrível: evacuar agachado é mais fácil e leva menos tempo, mais ou menos 1 minuto e meio de diferença.

Quando estamos em pé, a região onde os resíduos são armazenados é empurrada contra o músculo  puborrectalis, o que prepara o corpo para ir ao banheiro.

Quando sentamos, relaxamos o músculo apenas parcialmente.

Mas, quando ficamos agachados, relaxamos totalmente, o que facilita a eliminação das fezes.

De acordo com os médicos pesquisadores, a postura ideal é a de cócoras, com as coxas firmes no abdome, o que era muito comum aos nossos antepassados.

Há outras vantagens além da facilitar a evcuação:

– Combater a prisão de ventre

– Impedir a estagnação de resíduos que podem levar ao câncer de cólon.

– Evitar a contaminação de resíduos no intestino delgado

– Proteger o assoalho pélvico e nervos também pélvicos responsáveis pela saúde da próstata, do controle da bexiga e da sexualidade.

– Proteger os nervos que controlam a próstata, a bexiga e o útero fique, evitando forçar e danificá-los.

– Ajudar as mulheres grávidas, pois de cócoras, elas evitam a pressão sobre o útero

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

DEIXE SEU COMENTÁRIO