Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram

Os 10 maiores erros que os casais cometem na cama

erros que os casais cometem na cama

Fazer amor é uma maneira maravilhosa de comunicação e troca de energia entre o casal.

Manter a paixão acesa também na cama é uma parte essencial do processo de criação de uma parceria duradoura e gratificante.

E, mais do que isso, fazer amor regularmente pode gerar muitos benefícios à saúde como: proteção cardiovascular, diminuição do estresse, aumento da autoestima, entre outras coisas.

Mas quando se fala em amor na cama, a maioria das pessoas acredita que o orgasmo é o ápice do prazer e a prova de mérito de um relacionamento.

Porém, os motores eróticos não são movidos pelo orgasmo, mas pela excitação.

O despertar sexual pode durar um dia ou minutos inteiros e é controlado pelo cérebro, envolvendo manifestações físicas: aumento do fluxo sanguíneo para a vagina, aumento da lubrificação, inchaço da genitália externa, aumento da frequência cardíaca, respiração ou pressão arterial.

Este estado de transe implica uma total absorção sensorial e uma perda de autoconsciência para viver um momento de intensas sensações.

Então, para evitar deixar cair a atmosfera, aqui estão dez coisas que você NÃO deve dizer ou fazer durante o amor: 10 erros que os casais cometem na cama.

1. Não beijar seu parceiro

Muitas vezes as pessoas se esquecem de beijar o parceiro durante o ato sexual.

Focados no prazer de se divertir, esquecem que este gesto cheio de ternura e sensualidade é muito importante.

2. Ser abrupto

Muitas pessoas apreciam ter um parceiro agressivo na cama.

No entanto, ser muito brusco antes do outro estar animado pode ser uma fonte de dor e não de prazer.

3. Concentrar-se apenas nos genitais

Você sabia que os genitais não são as únicas partes erógenas do corpo humano?

De fato, as coxas, pulsos, costas, barriga, orelhas e pescoço de seu parceiro são áreas que estimularão o desejo dele.

Acaricie suavemente para o máximo prazer.

4. Esmagar com todo seu peso

Quando você está acima de seu parceiro, você deve ter cuidado para não esmagá-lo com todo o seu peso e sufocá-lo.

5. Atrasar ou apressar o orgasmo

Um orgasmo rápido pode deixar seu parceiro insatisfeito, enquanto um relacionamento que dura muito tempo pode ser irritante e fazer com que ele perca força.

Para evitar tudo isso, aconselhamos que você aproveite todo o seu tempo durante as preliminares para que seu parceiro alcance o orgasmo no mesmo tempo que você.

6. Não avisar seu parceiro de um orgasmo iminente

Seja durante o sexo oral ou a penetração, é melhor avisar seu parceiro quando sentir que está se aproximando do clímax.

7. Agir como num filme pornográfico

Muitos parecem pensar que o sexo deveria parecer um filme pornográfico.

No entanto, não é nada disso.

O sexo é uma experiência autêntica e você não deve fazer coisas das quais possa se arrepender mais tarde.

8. Não reagir

Você certamente gosta de ouvir os gemidos de seu parceiro, mas não ousa reagir?

Um pequeno gemido ou o simples ato de expressar o seu prazer com palavras o encorajará a dizer o que você quiser ouvir.

9. Fazer amor mecanicamente

Nada é pior do que fazer os mesmos movimentos de novo e de novo durante a relação sexual.

Isso é muito chato e tira qualquer brilho da sua vida sexual.

Surpreenda-o com novas posições e mostre a ele que você é capaz de dominar.

10. Simular um orgasmo

Muitas mulheres fingem orgasmo quando o ato fica muito longo.

Elas entendem que o parceiro não vai parar até que tenha gozado.

O problema é que, se ele perceber a farsa, ficará profundamente ofendido.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM