- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Nigella sativa: até a Bíblia cita esta planta com poder de curar várias doenças

O cominho preto, de acordo com várias pesquisas, possui um amplo potencial farmacológico.

São inúmeras as plantas medicinais usadas como remédios naturais.

Entre elas está a Nigella sativa (nome científico), ou cominho preto, como é mais conhecido.

Essa erva, de acordo com várias pesquisas, possui um amplo potencial farmacológico.

Benefícios da Nigella sativa (cominho preto)

A Nigella sativa (cominho preto) é uma planta milenar, citada até na Bíblia (isaías 28:25).

Ela contém vitaminas A, B1, B2, B3, B9, C, minerais como cobre, ferro, fósforo e zinco.

Além disso, tem ação bactericida, analgésica, anti-inflamatória e antioxidante.

Também é fonte de propriedades anti-hipertensivas, analgésicas, anti-hepáticas, digestivas, diuréticas e estimulantes do apetite.

Por isso, tem sido amplamente usado para fins medicinais e como tempero em receitas para uma alimentação funcional. 

Sendo assim, conheça a seguir os benefícios desse condimento proporciona para a saúde.

Reduz o colesterol

O colesterol, apesar de ser uma gordura essencial, quando fica acumulado em excesso no sangue, aumenta o risco de doenças cardíacas.



Uma pesquisa realizada pela Universidade da Austrália Ocidental demonstrou que a Nigella sativa ajuda a reduzir os níveis de colesterol ruim (LDL).

Além disso, teve um impacto significativo no aumento do colesterol bom (HDL).

Previne e controla o diabetes

A Nigella sativa é rica em timoquinoma, um fitoquímico que ajuda a controlar os níveis de glicose no sangue.

Por isso, ajuda a reduzir a hiperglicemia e a prevenir o diabetes tipo 1 e 2.

Segundo um estudo da Universidade de Dammam, na Arábia Saudita, protege contra a aterosclerose e complicações cardiovasculares em diabéticos tipo 2.

Reduz a pressão arterial

O consumo de cominho preto ajuda a reduzir a frequência cardíaca e a pressão arterial.

 Melhora a saúde do fígado e rins

Pacientes com problemas hepáticos devido ao excesso de álcool ou efeitos colaterais de medicamentos podem usar o cominho preto em seu benefício.

De acordo com um estudo saudita realizado pela Universidade King Saud, a Nigella sativa ajuda a reduzir a inflamação e o estresse oxidativo.

Portanto, o consumo de cominho preto pode auxiliar na prevenção de lesões e danos no fígado.

Já em relação à saúde renal, a Nigella sativa ajuda a proteger os rins, prevenindo disfunções renais.

Também melhora os parâmetros histológicos e bioquímicos, diminuindo os níveis de creatinina, ureia e nitrogênio ureico. 

Melhora a saúde intestinal

O cominho preto contém propriedades gastroprotetoras e carminativas. 

Dessa forma, melhora a mucosa gástrica, reduz a secreção gástrica e a gravidade de úlceras.

Também ajuda na digestão, reduz o inchaço, gases, dores estomacais e é eficaz contra parasitas intestinais.

Aumenta a imunidade, trata asma e infecções

A Nigella sativa contém timoquinona, nigelidina e a α-hederina.

E, segundo estudo da Universidade Agrícola de Huazhong, na China, essas substâncias  influenciam no reforço da resposta imune.

Por isso, o consumo de cominho preto ajuda a aumentar a imunidade, prevenindo principalmente doenças respiratórias.

Outra condição que o cominho preto ajuda a tratar é a asma, por causa dos seus efeitos broncodilatadores e anti-inflamatórios.

Suas substâncias naturais, além de aliviar os sintomas da doença, também ampliam os bronquíolos para que haja fluxo de ar para os pulmões.

Além disso, auxilia no tratamento de infecções, devido às suas propriedades antibacterianas e antifúngicas. 

Combate hipotireoidismo

O cominho preto ajuda a diminuir os níveis de anticorpos na glândula tireoide.

Além disso, de acordo com estudo da Universidade de Ciências Médicas de Tabriz, no Irã, aumenta a concentração de hormônio T3.

Lembrando que, é devido a deficiência dos hormônios T3 e T4 que o hipotireoidismo se desenvolve.

Conforme a pesquisa, consumir diariamente 2g de cominho preto ajuda a prevenir o hipotireoidismo.

Melhora a qualidade do sono

O cominho preto tem propriedades calmantes e, por isso, ajuda a prevenir distúrbios do sono.

A semente possui ativos que auxiliam no controle do estresse e ansiedade. 

Também contribui com a secreção de hormônios  que regulam os ritmos circadianos.

Promove a cicatrização da pele

O óleo essencial de cominho preto tem poder antisséptico. Dessa forma, ajuda a prevenir infecções em feridas.

Também acelera a cicatrização da pele e, devido aos seus antioxidantes, contribui no processo de regeneração.

Além disso, ajuda a manter os níveis de colágeno estáveis, proteína essencial para a saúde da pele.

Auxilia na perda de peso

Por reduzir e controlar os níveis de colesterol, diabetes e triglicerídeos, o cominho preto ajuda a promover a perda de peso.

Também auxilia na redução do índice massa corporal (IMC) e a medida da circunferência da cintura.

Outros benefícios da Nigella sativa

  • Trata dermatofitoses e candidíase vaginal devido à suas propriedades antifúngicas;
  • Auxilia no tratamento de doenças inflamatórias como artrite reumatóide e nas articulações;
  •  Eficaz no tratamento de doenças de pele como eczema, psoríase e vitiligo;
  • Ajuda no tratamento de epilepsia.

Como consumir a Nigella sativa (cominho preto)

  • Como tempero no preparo das refeições (no lugar da pimenta-do-reino);
  • Em saladas, preparo de pães, bolos e chás;
  • Na forma de farinha em sucos, vitaminas e shakes;
  • Como óleo essencial.

Contraindicações do cominho preto

Não consuma o cominho preto em excesso, pois ele pode causar reações adversas.

Pessoas com pressão baixa e gestantes também não devem consumir.

Veja também:

- PUBLICIDADE -

Veja Também

Redes Sociais

3,436,539FãsCurtir
159,642SeguidoresSeguir
583,795SeguidoresSeguir
522SeguidoresSeguir
3,927SeguidoresSeguir
564,000InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -