Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Não coma estes 9 alimentos se você sofre com dores nas articulações!

Quem sofre com dor nas articulações sabe que atividades simples do dia a dia podem ser uma grande tortura.

Esse problema atinge pessoas de qualquer idade ou gênero.

O que acontece é que nosso corpo se inflama e incha, causando muita dor nos ligamentos.

As principais causas desse incômodo são problemas como artrite, gota, leucemia, ossos quebrados, deslocamentos, fibromialgia, lúpus, músculos tensos e lesões, por exemplo.

O tipo de alimento que consumimos pode piorar os sintomas.

Por isso, preparamos uma lista de alimentos que jamais devem ser consumidos diante de dores nas articulações:

1.  Açúcar

Açúcar tem a péssima capacidade de inflamar nosso organismo, além de envelhecer.

Quando é refinado, é ainda pior: ele libera uma forte carga de agentes inflamatórios, aumentando as dores e o peso do corpo.

Na verdade, nem podemos dizer que açúcar é um alimento, mas sim um produto químico.

Então, fuja o máximo possível dele.
 
O American Journal of Clinical Nutrition publicou um estudo, em 2014, que mostrou que alimentos açucarados contribuem para o aparecimento de artrite reumatoide em mulheres.

Para substituir, você pode usar mel ou estévia.

2.  Carnes vermelhas e processadas

As carnes vermelhas e processadas possuem purina e nitrito, o que agrava a dor e a inflamação.

Além disso, essas carnes contêm toxinas que produzem glucano, uma reação química que envelhece o corpo e estimula o crescimento de células cancerosas (isso para quem já sofre com a doença).

3.  Ovo

O consumo regular de ovos aumenta os sintomas da dor.

A gema de ovo provoca mais inflamação no corpo.

Isso porque ela contém ácido araquidônico, que produz "prostaglandina".

Além disso, o ovo também contém gordura saturada, que é péssima para a saúde.  

4.  Cerveja

O consumo excessivo de álcool tem um efeito negativo para as articulações doloridas.

A cerveja contém "purinas", que são convertidas em ácido úrico.

O que isso significa?

Que você sentirá muita dor!

E tem mais!

Esta bebida contém glúten, que também é bastante prejudicial.

5.  Produtos lácteos

Os alimentos lácteos também pioram a dor porque são ricos em proteínas.

De acordo com o "Comitê de Médicos para a Medicina Responsável", proteína irrita os tecidos que cercam as articulações.

Além disso, as gorduras saturadas em produtos lácteos (queijo, leite e manteiga) também são prejudiciais à dor nas articulações.
 
O que podemos é consumir amêndoas, sementes de gergelim, espinafre, leite de soja, tofu, figos.

6. Grãos e farinhas refinadas

Esses alimentos também possuem alto nível glicêmico, o que estimula o envelhecimento e promove a inflamação.

O consumo diário de produtos de trigo e cereais de grãos promove o desenvolvimento de doenças autoimunes crônicas e aumenta o risco de problemas cardíacos, diabetes e até câncer.

Você pode substituí-lo spor coco, amêndoas, grãos e arroz integral.

Pessoas sensíveis ao glúten  são mais propensas à gota.
 
O Journal Nutrition Biochemistry publicou um estudo, em 2013, que mostrou que os alimentos sem glúten reduzem a inflamação, adiposidade e resistência à insulina.

7. Glutamato monossódico

Este aditivo é colocado em muitos temperos e alimentos industrializados para realçar o sabor.

O problema é que ele é muito maléfico para nossa saúde e intensifica a artrite reumatoide.

8. Whey protein

A inflamação também é agravada pela "caseína", presente neste produto.

A caseína produz ácido úrico, que em níveis excessivos leva à inflamação das articulações.

9.  Sal refinado

Não é só o açúcar que é o vilão nesta história.

O sal comum é rico em aditivos e outros produtos químicos, por isso danifica os fluidos do corpo.

Para você ter noção, até a reserva de cálcio perdemos com o consumo do sal de cozinha.

Usar um bom sal integral (como o do Himalaia ou o de Guérande) no lugar do refinado é uma boa atitude se você pensa na saúde de seu corpo.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM