Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

As melhores dicas para evitar a fragilidade dos ossos na velhice

Osteopenia é a perda de densidade mineral óssea.

O que isso significa?

Que com o surgimento desse problema, nossos ossos perdem a densidade e a resistência.

A situação não é tão grave quanto a osteoporose.

Para você ter ideia, nem causa dores.

No entanto, precisa ser tratada, pois pode evoluir a causar doenças graves.

As principais causas da osteopenia são:

1. Idade

O avançar da idade é uma das principais causas da baixa densidade mineral óssea.

A velhice faz com que os ossos começam a perder minerais, peso (massa) e estrutura, o que os torna mais fracos e mais propensos a quebrar.

2. Distúrbios alimentares

3. Problemas de metabolismo

4. Quimioterapia

5. Exposição à radiação

6. Genética

7. Magreza em excesso

8. Falta de atividade física adequada

9. Tabagismo

10. Consumo regular de refrigerantes e quantidades excessivas de álcool

As mulheres são as mais propensas à doença do que os homens.

Se você percebe que se enquadra na categoria de alto risco de osteopenia, procure melhorar o estilo de vida.

Mudanças simples no estilo de vida e na dieta podem ser feitas para evitar a perda da densidade mineral óssea e a progressão da osteoporose.

Separamos algumas dicas para ajudar.

Confira:

1. Consuma alimentos ricos em cálcio

Você pode obter a quantidade diária  de cálcio recomendada consumindo alimentos como sardinha, vegetais verdes (couve, brócolis e repolho), melaço, nozes, ameixas e uma série de outros alimentos nutritivos.
 
Se você não conseguir, procure um médico ou nutricionista para indicar um bom suplemento de cálcio.

Caso siga a linha vegana, pode investir em suco de couve com laranja diariamente.

2. Aumente a ingestão de vitamina D

A vitamina D é outro nutriente importante que garante a saúde óssea e desempenha um papel fundamental na redução do risco de osteopenia.

Ela também ajuda o corpo a absorver melhor o cálcio.

Pesquisas já provaram que a deficiência de vitamina D é um fator significativo na osteoporose e osteopenia.

Se você tem alguma carência desse nutriente, consuma ovos, salmão, sardinha, espadarte e alimentos fortificados, como cereais e suco de laranja.

Mas a melhor forma de absorver essa vitamina é a exposição ao sol.

O corpo produz vitamina D quando é exposto ao astro-rei.

Por isso, não custa nada tomar um banho de sol por 10 ou 15 minutos diariamente.

3. Faça exercícios

O exercício regular é benéfico para a saúde geral, incluindo a dos ossos.

Para evitar qualquer problema de fraqueza, faça atividade física por pelo menos 30 minutos.

Caminhar, dançar, correr e pedalar são ótimas opções.

4.  Pare de fumar

Fumar é prejudicial para a saúde óssea, atingindo principalmente os quadris, a coluna lombar e o antebraço.

Procure ajuda para tratar o vício, pois ele causa outros problemas ainda mais graves.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM