Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram

Maçã ameniza problemas do sistema digestivo e diminui o colesterol ruim

Fruta serve ainda para regular os níveis de glicose no sangue

A maçã é uma fruta rica em pectina, taninos, ácido málico e flavonoides, que ajudam a amenizar problemas do sistema digestivo (diarreia, constipação intestinal) e o aumento das taxas de colesterol.

A fruta também regula os níveis de glicose e triglicérides no sangue.

Isso se dá graças às suas propriedades antioxidantes proporcionadas pela quantidade de polifenóis e flavonoides.

Essas substâncias ajudam a retardar o envelhecimento porque preservam as células.

A combinação de fitonutrientes encontrados na polpa e na casca da maçã é uma fonte de antioxidantes que evita danos aos tecidos e às células.

Muitos médicos tratam células cancerosas do cólon e do fígado com extrato de maçã, que inibe a proliferação dessas células.

Tanto a fruta como seu suco contêm parcelas significativas de fitonutrientes capazes de obstruir a oxidação do LDL, o mau colesterol, responsável por causar doenças cardiovasculares.

Uma unidade da maçã contém 85% de água e 5 gramas de fibras solúveis e insolúveis, o que significa entre 15% e 20% da dose diária indicada para o bom funcionamento do organismo.

Cientistas descobriram recentemente que pessoas que comem pelo menos cinco maçãs por semana respiram e dormem melhor e apresentam menos probabilidade de ter problemas na garganta.

Fruta serve ainda para regular os níveis de glicose no sangue

A maçã é uma fruta rica em pectina, taninos, ácido málico e flavonoides, que ajudam a amenizar problemas do sistema digestivo (diarreia, constipação intestinal) e o aumento das taxas de colesterol.

A fruta também regula os níveis de glicose e triglicérides no sangue.

Isso se dá graças às suas propriedades antioxidantes proporcionadas pela quantidade de polifenóis e flavonoides.

Essas substâncias ajudam a retardar o envelhecimento porque preservam as células.

A combinação de fitonutrientes encontrados na polpa e na casca da maçã é uma fonte de antioxidantes que evita danos aos tecidos e às células.

Muitos médicos tratam células cancerosas do cólon e do fígado com extrato de maçã, que inibe a proliferação dessas células.

Tanto a fruta como seu suco contêm parcelas significativas de fitonutrientes capazes de obstruir a oxidação do LDL, o mau colesterol, responsável por causar doenças cardiovasculares.

Uma unidade da maçã contém 85% de água e 5 gramas de fibras solúveis e insolúveis, o que significa entre 15% e 20% da dose diária indicada para o bom funcionamento do organismo.

Cientistas descobriram recentemente que pessoas que comem pelo menos cinco maçãs por semana respiram e dormem melhor e apresentam menos probabilidade de ter problemas na garganta.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM