Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram

Livre-se da dengue, zika e chicungunha em 72 horas com o suco da folha de mamão!

A dengue é uma doença viral  causada pelo mosquito Aedes aegypti.

A doença é em boa parte dos casos simples, mas pode ter complicações muito graves.

Por isso, não devemos menosprezar a dengue.

O mais importante é a prevenção.

E não é complicado isso.

Bastar ter os cuidados necessários.

Veja os principais:

E se você já estiver doente?

Primeiro, procure ajuda médica.

Depois, apresse o processo de cura com tratamentos caseiros e naturais.

Um desses tratamentos é o suco da folha de mamão.

Este suco é muito eficiente e agiliza a a cura e total recuperação do paciente.

E por que este tratamento funciona tão bem nos casos de dengue?

A folha de mamão é rica em vitaminas importantes, proteínas, carboidratos, ferro, cálcio e fósforo.

Nela também existe grande quantidade de enzimas potentes, como papaína e quimopapaína, que elevam rapidamente a contagem de plaquetas.

Inúmeras pessoas que tiveram dengue conseguiram grande alívio estas folhas.

Mas o potencial terapêutico das folhas de mamão vai muito além de ajudar na cura da dengue.

Veja:
 
– Desintoxicam o fígado: o suco de folhas de mamão papaia não só limpa o fígado, como previne doenças, como icterícia, cirrose hepática e câncer de fígado.
 
– Impedem doenças: não estamos falando de poucas, mas diversas doenças perigosas, como malária, dengue e cancro.
 
Basta beber um copo de suco de folhas de mamão diariamente para que seu sistema imunológico seja fortalecido e aja contra invasores virais e bactérias.
 
Além disso, a partir do consumo regular deste suco, podemos observar aumento de energia e maior disposição do corpo.
 
– Auxiliam o sistema digestivo: as folhas de mamão contém enzimas, como papaína, quimopapaína, protease e amilase, que são ótimas para quebrar as proteínas, ajudando na digestão.
 
Além disso, as folhas reduzem inflamação – graças às propriedades anti-inflamatórias –  tratam úlceras estomacais.

– Aliviam TPM: todos aqueles terríveis sintomas pré-menstruais podem ser amenizados com folhas de mamão, pois elas equilibram os hormônios.
 
– Protegem o sistema cardiovascular: como já havíamos dito, as folhas do mamoeiro estimulam o sistema imunológico e melhoram a circulação sanguínea, dilatando os vasos e protegendo a saúde do coração.
 
– Regulam os níveis de açúcar no sangue: talvez você não saiba, mas o suco de folhas de mamão regulam os níveis de açúcar no sangue, melhorando a sensibilidade à insulina.
 
Aprenda como se faz este maravilhoso suco:
 
Tudo o que você precisa é triturar no liquidificador ou processador de alimentos, com um pouco d'água, as folhas do mamão (duas já é uma boa quantidade) para extrair o suco.

As folhas não devem ser muito novas nem muito velhas.

Tome 4­ ou 5 colheres (chá) deste suco duas vezes por dia, durante pelo menos uma semana, para combater a dengue de forma eficaz.
 
Consuma toda a preparação no mesmo dia.

Não reaproveite o suco de um dia para outro.

Normalmente, em 72 horas você já sentirá uma grande melhora.

Além da dengue, este suco é ótimo para combater a zika e chicungunha.

Outra forma de aproveitar os benefícios das folhas de mamão é consumindo seu chá:
 
Coloque cinco colheres (sopa) das folhas de mamão secas em um litros de água fervente.
 
Espere esfriar.
 
Feito isso, coe a mistura e beba em pequenas doses.
 
Este chá, segundo pesquisa realizada na Universidade da Flórida, combate vários tipos de câncer.
 
Os pesquisadores, chefiados pelo dr. Nam Dang, comprovaram a ação anticâncer das folhas de mamão em dez diferentes tumores, incluindo o de fígado, o de mama e o de pulmão.
 
IMPORTANTE!
 
Grávidas não devem consumir nenhuma receita com a folha de mamão.
 
Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM