Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Isto é o que acontece com o seu corpo quando você para de fumar!

No passado, quem fumava parecia ser mais atraente, mais charmoso.

Uma prova disso são as propagandas de cigarro que, sem a preocupação de hoje, envolviam médicos, atletas e até crianças.

Quando as pessoas começaram a ter a informação de que o fumo é drasticamente maléfico ao corpo, deixaram de ver o fumante com a beleza de outrora.

E o melhor, iniciaram-se fortes campanhas de conscientização contra o fumo.

A mobilização foi tão grande que toda marca de cigarro foi obrigada a colocar na embalagem do produto os riscos à saúde.

Os fumantes tendem a buscar o cigarro em momentos de ansiedade e tensão.

E o vício é extremamente nocivo.

No entanto, já a partir do momento que você para de fumar, o corpo reage positivamente.

Vamos supor que você fume seu último cigarro agora.

Veja como seu corpo vai reagir daqui para frente:

1. Após 20 minutos seu organismo sentirá um alívio, pois a pressão arterial e os pulsos estarão caminhando para a normalização.

2. Após 8h, os níveis de monóxido de carbono no sangue serão neutralizados, assim como os níveis de oxigênio estarão bem melhores.

3. Após 24h, você estará reduzindo o risco de um ataque cardíaco.

4. Em 48 horas, você começará a restaurar sua sensibilidade para o paladar e olfato.  

5. Entre duas semanas e três meses, sua circulação vai melhorar e você poderá caminhar mais facilmente, sem sentir tanto cansaço.

Além disso, a capacidade de seus pulmões terá aumentado até 30%.

6. Depois de nove meses, seu corpo recuperará a energia e se encerrará a dificuldade com a falta de ar.

Você também já poderá comemorar, pois não terá aquelas tosses e congestão com frequência.

Seus pulmões começam a ficar limpos e isso reduz o risco de infecções.

7. Um ano depois, o risco de doenças  no coração reduz pelo menos duas vez em relação a um fumante.

8. Após cinco anos, o risco de câncer de garganta, boca e esôfago terá diminuído pela metade em relação ao de fumantes.

 Além disso, a taxa de morte por câncer de pulmão será duas vezes menor do que a dos fumantes.

9. Passado dez anos, a taxa de mortalidade por câncer de pulmão será comparável à de um não fumante.
 
Mais do que isso, o risco de câncer de bexiga, rim, garganta, boca, esôfago e pancreático é significativamente menor.

10. Após 15 anos, o risco de doenças cardíacas é o mesmo que o de um não fumante.

Vale ou não largar o cigarro?

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

DEIXE SEU COMENTÁRIO