domingo, 28 novembro 2021
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Iogurte cremoso e probiótico de grão-de-bico: saudável e fácil de fazer

Este iogurte é supercremoso, natural, zero lactose e é um potente probiótico, ajudando a melhorar a flora intestinal.

Para funcionar perfeitamente, o nosso corpo precisa diariamente de vitaminas e minerais.

Por isso, uma alimentação saudável e balanceada é a principal responsável para que o organismo tenha um bom desempenho. 

Um cardápio equilibrado, por exemplo, além de beneficiar o aspecto físico, também melhora o aspecto mental.

Infelizmente, a dieta adotada pela maioria das pessoas provoca efeitos negativos à saúde.

Isso porque, com a correria do dia a dia, nem sempre é possível manter uma alimentação equilibrada e é aí que aumenta o consumo de alimentos processados e fast foods.

A consequência disso são os distúrbios recorrentes que podem afetar o sistema gastrointestinal e a microbiota intestinal.

Nessa condição, as bactérias patogênicas (do mal) predominam no intestino.

Para reverter esse quadro e estimular as bactérias boas, o consumo de probióticos é uma das alternativas.

No mercado existem vários produtos com essa finalidade, porém, é possível fazer em casa de maneira muito fácil.

Aprenda a seguir a preparar um delicioso iogurte probiótico de grão-de-bico e que vai lhe trazer diversos benefícios para a saúde.

Benefícios do grão-de-bico

O grão-de-bico é uma leguminosa bastante nutritiva pois contém proteínas, carboidratos, fibras, cálcio, ferro fósforo, vitaminas C, E, D, K e gorduras saudáveis.

Diminui o apetite

Um estudo australiano, realizado na Universidade da Tasmânia, concluiu que o grão-de-bico causa sensação de saciedade.

De acordo com a pesquisa, pessoas que consumiram grão-de-bico diariamente sentiram menos vontade de comer alimentos hipercalóricos e com poucas propriedades nutricionais.

Isso é possível devido às fibras presentes no alimento, que ajudam a retardar a digestão, reduzindo, assim, o consumo de calorias durante o dia.

Consequentemente, ajuda no emagrecimento saudável e a manter o peso sob controle.

Controla o diabetes

O grão-de-bico, além de ser rico em fibras e proteínas, é um alimento de baixo índice glicêmico e, por isso, ajuda a controlar o diabetes.

De acordo com estudo do Baker Heart and Diabetes Institute, na Austrália, o grão-de-bico retarda a absorção de carboidratos, reduzindo, assim, os níveis de açúcar no sangue.

Previne doenças cardíacas

Devido aos minerais como magnésio e potássio, o grão-de-bico auxilia no controle da pressão arterial.

Além disso, as fibras e os ômegas 3 e 6 ajudam a reduzir os níveis de colesterol ruim (LDL) e triglicérides do organismo, como foi confirmado neste estudo do Canadian Medical Association Journal .

Desse modo, o consumo regular dessa leguminosa contribui com a prevenção de doenças cardíacas.

Melhora o trânsito intestinal

Por ser rico em fibras, o grão-de-bico favorece o volume de fezes e os movimentos do intestino.

Desse modo, melhora a digestão e evita a constipação (prisão de ventre).

Fortalece os ossos 

O grão-de-bico é fonte de cálcio, ferro, fósforo, potássio e vitamina K, nutrientes essenciais para fortalecer os ossos.

Desse modo,ajuda a prevenir fraturas e doenças como osteoporose, ossos frágeis e quebradiços.

Aumenta a imunidade

Devido a vitaminas A, E e zinco, o grão-de-bico também ajuda a fortalecer o sistema imunológico.

Melhora o humor

O grão-de-bico contém triptofano, um aminoácido que auxilia na produção de serotonina, hormônio do humor e bem-estar.

Além disso, possui magnésio, um mineral que causa sensação de relaxamento, reduzindo o estresse e a ansiedade.

Benefícios do iogurte probiótico

Os probióticos ajudam a regular a microbiota intestinal, ou seja, as bactérias boas do intestino.

Entre os principais benefícios, estão:

  • Ajuda a recuperar a microbiota intestinal após o uso de antibióticos;
  • Fortalece as atividades gastrointestinais;
  • Elimina alguns microorganismo que causam doença no intestino;
  • Previne e alivia a constipação (prisão de ventre);
  • Estimula o sistema imunológico; 
  • Auxilia no tratamento de diarreia;
  • Ajuda a absorver micronutrientes importantes, como vitaminas e minerais;
  • Contribuem para a perda de peso;
  • Reduz os níveis de colesterol;
  • Melhora o sono e diminui o estresse.

Inclusive, um estudo da Universidade de Londres concluiu que os probióticos podem melhorar o trânsito intestinal total, a frequência e a consistência das fezes.

Iogurte probiótico de grão-de-bico

Esse iogurte é super cremoso, natural, zero lactose e probiótico, ajudando a melhorar a sua flora intestinal.

Além de economizar, você irá beneficiar a saúde.

Ingredientes:

  • 1 xícara de grão-de-bico
  • 4 xícaras de água filtrada
  • 1/4 de xícara de base probiótica – você irá usar a água onde o grão-de-bico ficou de molho

Modo de preparo:

O primeiro passo é deixar o grão-de-bico de molho por 12 horas em água para amolecer.

Após esse tempo, escorra a água e reserve ¼ de xícara dela para ser usada como a base probiótica.

Coloque o grão-de-bico liquidificador, adicione água filtrada e bata bem até obter um leite vegetal.

Agora você irá coar, porém não pode usar peneira, e sim um tecido, pois precisa ficar um líquido liso, sem resíduos do grão-de-bico.

Coloque em uma panela, leve ao fogo médio e cozinhe por 20 minutos, sempre mexendo (não pode parar de mexer).

Quando estiver numa consistência firme e cremosa, desligue o fogo e deixe esfriar até ficar a temperatura ambiente.

Quando já estiver frio, volte o creme para o liquidificador, adicione o ¼ de xícara da água onde o grão-de-bico (base probiótica) e bata até ficar uma mistura lisa e homogênea.

Transfira o pré-iogurte (creme) para um recipiente de vidro, tampe e coloque em um local escuro, arejado e limpo para fermentar.

Deixe por 24 a 48 horas – as bactérias precisam de calor para fermentar, então, se a sua região for bem quente, poderá demorar menos tempo, em média 16 horas.

Para saber se o seu iogurte está fermentado, note que ele irá aumentar de tamanho (vai crescer) e formar “bolinhas”, além de ficar com um sabor levemente azedo.

Depois de fermentado, bata mais uma vez no liquidificador com a fruta de sua preferência – pode ser morango, amora, banana, entre outras.

Importante:

Evite usar utensílios de metal durante o preparo e armazenamento (colher e recipiente) pois as bactérias boas não são muito resistentes a esse tipo de material.

Aprenda também:

- PUBLICIDADE -

Veja Também

Redes Sociais

3,436,539FãsCurtir
159,642SeguidoresSeguir
571,857SeguidoresSeguir
522SeguidoresSeguir
3,865SeguidoresSeguir
564,000InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -