sábado, 23 outubro 2021
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Guia completo para você cultivar brotos e grãos germinados em casa

Os brotos e grão germinados são ricos em vitaminas e minerais e é simples cultivá-los em casa.

Hoje em dia muitas pessoas têm incrementado brotos e grãos germinados na alimentação.

A chamada técnica da “comida viva” possibilita consumir os nutrientes mais ricos dos grãos após a germinação.

Os grãos germinados possuem um enorme potencial nutritivo e servem como uma “ferramenta” para recuperação e promoção da saúde. 

Isso porque liberam energia, enzimas e catalisadores que ajudam o organismo a absorver melhor os nutrientes do grão.

E hoje é possível desenvolver essa cultura em casa, de maneira prática, barata e com rapidez.

Benefícios dos alimentos germinados

Os alimentos germinados fornecem fibras, proteínas, vitaminas e minerais essenciais para o organismo.

Veja os benefícios!

Fonte de fibras

As sementes germinadas são ricas em fibras e, por isso, ajudam a aumentar a sensação de saciedade.

Além disso, ajudam a reduzir a absorção de gorduras e toxinas no organismo, melhorando o trânsito intestinal. 

Fácil digestão

O processo de germinação ajuda a aumentar a atividade das enzimas das sementes.

Desse modo, ajudam a melhorar a digestão, aumentando a absorção de nutrientes pelo intestino.

Além disso, não provocam gases intestinais, algo comum no consumo de alimentos cozidos como lentilha, feijão e/ou grão-de-bico.

Melhor absorção de nutrientes

Os alimentos germinados são ricos em enzimas, mas pobres em antinutrientes como ácido fítico e taninos.

Essas duas substâncias reduzem a absorção de cálcio, ferro e zinco pelo organismo.

Portanto, devido a esses dois fatores, ajudam a  aumentar a absorção dos nutrientes pelo intestino.

Ação antioxidante

Após o início da germinação, as sementes aumentam o teor de vitaminas A, B, C e E, que são aquelas com maior poder antioxidante.

Por isso, após o consumo, a imunidade aumenta e, com um sistema imunológico fortalecido, o organismo fica mais prevenido de doenças.

Ajudam a emagrecer

Por serem ricos em fibras, mas pobres em calorias, os grãos germinados contribuem para o processo de perda de peso.

Além do mais, pelo fato de causarem sensação de saciedade, contribuem para não comermos fora de hora.

Diferença entre broto e semente germinada

As propriedades nutricionais do broto e das sementes germinadas são praticamente as mesmas.

No entanto, o que se destaca nos brotos são as folhas verdes, que contêm alta dose de clorofila e sabor mais suave.

Eles surgem até dez dias após a germinação das sementes e você vai aprender como fazer esse processo em casa agora. 

Como germinar os grãos

Coloque de uma a três colheres (sopa) de grãos em um vidro esterilizado e cubra com água limpa e sem cloro.

Deixe de molho por uma noite – se optar pelo girassol sem casca, precisará de apenas quatros de horas, enquanto a linhaça, três horas.

Cubra o vidro com um pedaço de voal (tecido fino e furadinho) ou tule e prenda com um elástico. 

Em seguida, escorra, enxágue em água corrente e escorra novamente.

Coloque o vidro inclinado em um escorredor ou tigela, mantenha-o assim para evitar o acúmulo de água.

Além disso, é necessário repetir as lavagens em água corrente duas vezes ao dia, pela manhã e à noite.

A germinação acontece entre dois e oito dias, dependendo do tipo de grão 

Veja abaixo o ciclo de cada um deles:

  • Agrião: de seis a oito dias
  • Alfafa: de três a quatro dias;
  • Arroz: de quatro a cinco dias;
  • Feijão-azuki: de quatro a cinco dias;
  • Gergelim: de dois a três dias;
  • Girassol sem casca: logo que amolecer com a água;
  • Lentilha: de três a quatro dias;
  • Trigo: de dois a quatro dias.

Após a germinação, enxágue-os muito bem em água corrente para eliminar os resíduos e deixá-los aptos para o consumo.

Como cultivar brotos

Coloque os grãos de molho em água e aguarde germinar.

Depois, coloque terra em uma bandeja ou vaso largo, fazendo uma camada de aproximadamente três centímetros.

Espalhe as sementes germinadas e cubra com um plástico escuro de três a quatro dias. 

Descubra os brotos e os exponha à luz do dia, regando diariamente, porém com pouca água para deixar a terra apenas úmida e não encharcada.

Aguarde de 5 a 15 dias para começar a consumir os brotos.

Durante esse período, eles devem crescer de cinco a dez centímetros.

Você pode consumi-los na salada, sanduíche, sucos e outras preparações.

Os grãos mais fáceis de brotar são: agrião, alfafa, centeio, feijão, girassol e trigo.

Dica: antes de consumir os brotos , deixe-os receber um pouco de luz solar para aumentar seu teor de vitaminas e nutrientes.

Além disso, tanto os grãos quanto os brotos devem ser consumidos crus se possível.

Afinal, quando aquecidos, irão perder suas propriedades nutricionais.

Você pode consumi-los em saladas, sucos e vitaminas.

Vantagens do cultivo caseiro

A técnica do cultivo caseiro de grãos e brotos germinados apresenta várias vantagens, entre elas estão:

  • Baixo custo;
  • Rapidez na germinação;
  • Não precisa usar agrotóxicos e fertilizantes;
  • Você consegue aproveitar pequenos espaços domésticos;
  • É possível cultivar uma variedade de culturas;
  • Aumenta a quantidade de vitaminas, minerais,  enzimas, fitormônios e antibióticos naturais.

Você também pode gostar de aprender a cultivar alface orgânica em garrafas PET.

- PUBLICIDADE -

Veja Também

Redes Sociais

3,436,539FãsCurtir
159,642SeguidoresSeguir
569,628SeguidoresSeguir
522SeguidoresSeguir
3,858SeguidoresSeguir
564,000InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

Últimas Publicações

- PUBLICIDADE -