Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram

Feijão-branco emagrece e ajuda a evitar diabetes

Uma pesquisa feita pela Universidade do Vale dos Sinos (Unisinos) descobriu que o feijão-branco, aquele que a maioria de nós está acostumada a consumir apenas como salada, ajuda a emagrecer e a evitar o diabetes.

O feijão-branco ajuda a emagrecer porque tem uma proteína chamada faseolamina, que é inibidora do processo de digestão do carboidrato. 


Por isso ela inibe a absorção de açúcares no sangue.

Mas isso só acontece no nosso organismo se ele for ingerido na forma de farinha, uma espécie de extrato de feijão-branco que é bem fácil de fazer em casa.

Para fazer a farinha, lave normalmente o feijão e coloque para secar bem ao sol ou sobre papel-toalha, nunca no forno, porque o feijão só tem efeito emagrecedor se não for cozido.

Mas atenção: como pode ser tóxico, o feijão só deve ser consumido cru em quantidades mínimas.

Depois é só triturar no liquidificador e peneirar. Se quiser a farinha bem fininha, pode passar também no processador.

É bom fazer em pequenas quantidades para que o extrato não fique velho e deixe de fazer o efeito desejado.

Triture no liquidificador pelo menos 250 gramas de feijão-branco de cada vez, ou até mesmo o pacote inteiro, já que cada embalagem-padrão vem com 500 gramas.

Dessa forma, o impacto dos grãos no copo do liquidificador é menor, o que evita acidentes.

O efeito da farinha de feijão funciona mais ou menos assim: quando consumimos um prato cheio de macarrão, de 200 gramas, é como se tivéssemos consumido uma porção menor, de 160 gramas.

Mas, para isso acontecer, é preciso ingerir meia hora antes das refeições uma colher pequena, rasa, de farinha de feijão diluída em água.

É essa mistura que vai garantir que parte do carboidrato dessa refeição, cerca de 20%, não seja absorvida pelo nosso organismo.

O estudo mais recente que comprova que a farinha de feijão ajuda a emagrecer foi feito pela Universidade da Califórnia, em Los Angeles.

Ao todo, 50 adultos obesos fizeram uma dieta saudável, mas apenas metade recebeu farinha de feijão antes das refeições.

A outra parte, sem saber, recebeu farinha sem efeito.

Depois de oito semanas, quem ingeriu o extrato de feijão-branco estava, em média, 1,7kg mais magro e com o nível de triglicerídeos três vezes menor do que os que receberam só o placebo.

Mas outros estudos registram perdas de peso de até 4% em apenas 30 dias.

O bom é que, além de emagrecer, o extrato de feijão-branco também ajuda a prevenir o diabetes.

A receita é uma colher rasinha em um copo d’água duas vezes por dia, porque são duas refeições principais.

Não adianta consumir mais, porque você não vai emagrecer mais.

Se você consumir mais, pode ter diarreia, problemas intestinais e náuseas.
Fonte: Globo Repórter


Curta nossa página no Facebook! Clique no botão “curtir”, que está abaixo, logo depois de “Sobre o Autor”. Obrigado!

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM