Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Fazer sexo proporciona muitos benefícios à saúde

Sexo não é somente prazer, é saúde!

Exatamente: o sexo é benéfico para a  saúde e, portanto, é uma boa razão para  você dar especial atenção a ele.
Uma vida sexual regular  saudável apresenta resultados positivos para o corpo e mente, tanto para as mulheres como para os homens.

Veja alguns dos benefícios do sexo em sua saúde


– Melhora a circulação sanguínea

Durante o ato sexual, aumenta o número de pulsações por minuto, o que melhora a qualidade da circulação sanguínea. Isso possibilita às células receber mais oxigênio, facilitando a eliminação de substâncias nocivas ao organismo. O sexo permite levar mais sangue ao cérebro e aos outros órgãos, contribuindo assim para a saúde geral do corpo. Este afluxo de sangue renovado dá à células um aumento de oxigênio e hormônios, facilitando a eliminação de substâncias nocivas que provocam cansaço ou o aparecimento de doenças.
  
– Queima calorias 

Fazer sexo é um exercício para o coração e os pulmões. Além disso, diminui os níveis de colesterol, pois praticar sexo durante 30 minutos faz queimar 150 calorias.

– Produz substâncias benéficas

Durante o sexo, o nosso organismo produz substâncias químicas benéficas para a saúde. As endorfinas constituem um produto químico natural que possui o mesmo efeito da morfina, um analgésico e adjuvante do relaxamento. Esses calmantes naturais combatem a insônia, a enxaqueca e as dores de costas e pescoço causadas pelo estresse.

– Fortalece os músculos

As contrações musculares que se verificam durante o orgasmo tonificam os músculos urogenitais de mulheres e homens. Eles são importantes para uma próstata saudável e para o evitar problemas de incontinência numa fase posterior da vida.

– Melhora o aspecto exterior e a esperança de vida

Segundo o neuropsicólogo Davis Weeks, do Royal Edinburgh Hospital, na Escócia, a prática sexual durante três vezes por semana pode aumentar a expectativa de vida em até dez anos. Durante a última década, a sua equipe entrevistou 3.500 homens e mulheres europeus e americanos, entre 20 e 104 anos. Tinham algo em comum: pareciam mais jovens do que eram. Uma vida sexual ativa parece ser um dos maiores determinantes quando se trata de parar os ponteiros do relógio biológico. É interessante verificar que o sexo descomprometido com vários parceiros parece não produzir o mesmo efeito benéfico; na verdade, pode mesmo levar a um envelhecimento precoce, uma vez que é passível de provocar tensão e preocupações.

– Melhora o estado de espírito

Nas mulheres, uma vida sexual regular leva à segregação de um hormônio chamado oxitocina, que tem um efeito positivo sobre o humor das mulheres. Também ajuda a combater o estresse, chegando mesmo a melhorar a vida social.

– Melhora o aspecto da pele

O sexo estimula a produção de estrogênio, o “hormônio feminino”. Esse hormônio tem um efeito positivo sobre o aspecto da pele e do cabelo. A transpiração mais elevada do que o normal que se verifica durante o sexo contribui para eliminar toxinas dos poros, o que limpa a pele.

– É um bom analgésico

A oxitocina tem um efeito analgésico. Está provado que a dor de cabeça e outras tipologias dolorosas desaparecem se a produção desse hormônio aumenta.

– É benéfico para os ossos e músculos

Nos homens, a atividade sexual contribui para fortalecer os músculos e ossos. Esse “efeito secundário” positivo do sexo ocorre graças à testosterona, o hormônio sexual masculino, cuja presença no organismo aumenta durante o sexo.

– Melhora o aspecto físico

Se tiver uma vida sexual ativa e frequente, o seu corpo libertará uma quantidade maior de feromônios, substâncias odoríferas que aumenta nossa atração sexual em relação àqueles que se encontram à nossa volta. Assim, pode dizer-se que, ao ter uma vida sexual ativa, você se torna mais atraente aos olhos daqueles que o rodeiam. 

– É benéfico para o coração

Sexo é uma atividade física, tal como o esporte, e tem, por isso, os mesmos efeitos para o coração que a prática esportiva proporciona. Pesquisas demonstraram que os homens que têm relações sexuais pelo menos duas vezes por semana correm menos riscos de sofrer um ataque cardíaco do que os homens que não têm uma vida sexual regular.

– Ótimo para a próstata

Pesquisas recentes provaram que uma vida sexual regular pode ter efeitos positivos para a próstata e ajudar a evitar o câncer desse órgão. Uma vida sexual regular ajuda a eliminar substâncias nocivas que, de outro modo, ficariam alojadas neste órgão.

– Combate o estresse

Uma vida sexual regular e satisfatória favorece uma boa noite de descanso. Quantos casais não adormecem imediatamente após o sexo?

– Melhora o olfato

A prolactina, um hormônio produzido durante o sexo, tem um efeito positivo sobre o nosso olfato.

– Fortalece o sistema imunitário

Quando a nossa vida sexual é satisfatória, o nosso sistema imunitário é fortalecido. O jogo amoroso faz libertar a oxitocina, a qual diminui o cortisol – o hormônio do estresse . Além disso, o corpo produz mais glóbulos brancos, que aumentam a nossa imunidade. 

– Evita a depressão

Uma boa vida sexual ajuda também contra a depressão e diminui as preocupações. Estudos provaram que as mulheres que têm uma vida sexual ativa têm menos rugas e um aspecto mais jovem.

– Ajuda a prevenir a demência

O sexo é uma boa forma de evitar a demência. Estimula o fabrico de novas células cerebrais e seria dessa forma um remédio formidável contra a demência e doenças como Parkinson e Alzheimer. A substância química que cuida da fabricação dessas células é aparentemente estimulada durante o sexo.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

DEIXE SEU COMENTÁRIO