Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Faça isto para combater naturalmente fungos e outros problemas ginecológicos!

A vagina é uma área muito delicada e está exposta a muitas infecções.

Felizmente, há algumas receitas naturais que podem proteger o corpo feminino.

Elas geralmente são à base de vapores de erva.

Essa técnica é muito praticada na medicina natural, justamente para limpar a região íntima da mulher.

Isso porque o vapor ajuda a melhorar a circulação, dilatando os vasos sanguíneos.

Além disso, promove oxigenação e o relaxamento dos músculos.

Esse tratamento é tão terapêutico que faz o maior sucesso em spas naturalistas.

No entanto, você pode muito bem fazê-lo no conforto da sua casa.

Outra vantagem é que o vapor limpa as membranas do tecido vaginal.

Até o útero é beneficiado, acredita?

Os vapores de ervas ajudam a regular o ciclo menstrual e a eliminar cistos e infecções fúngicas.

Um verdadeiro sucesso!

Mas vamos à receita!

Os ingredientes são bem simples.

Talvez você já até os tenha em casa.

INGREDIENTES

Folhas de manjericão

Orégano

Alecrim

4 litros de água

MODO DE PREPARO

Ferva a água com todos  os ingredientes.

Se as ervas estiverem secas, use um punhado de cada erva.

Mas, se estiverem frescas, então é preciso três xícaras de cada uma.

Quando a água atinge o ponto de ebulição, deixe ferver por mais dez minutos.

Feiro isso, apague o fogo e deixe esfriar  por cinco minutos.

Depois é só despejar a água numa bacia, sentar-se na ponta de uma cadeira e cobrir parte do recipiente com uma toalha fina para o vapor não escapar.

Também é bom envolver uma toalha/lençol em seu quadril, para direcionar o vapor apenas para você.

Fique nessa posição por 20 ou 40 minutos.

O tempo depende da gravidade da infecção.

Não faça mais do que duas vezes por mês.

Talvez você sinta alguns efeitos colaterais, como cãibra vaginal ou aumento da secreção vaginal, mas  é normal, uma vez que a receita está expulsando as toxinas acumuladas em sua área íntima.

Este tratamento não deve ser feito por mulheres grávidas ou no período menstrual.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM