- PUBLICIDADE -

Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Existe uma região muito sensível no seu rosto – e tocar nela pode ser mortal!

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Você já percebeu que ultimamente as pessoas têm se importado mais com os pelos do corpo?

Homens e mulheres, em nome dos novos padrões de beleza, depilam as pernas, as axilas, o peitoral e as sobrancelhas.

Não há nada de mais em se cuidar.

O problema é tirar pelos proibidos, o que geralmente acontece por falta de conhecimento.

Nosso rosto tem uma região conhecida como “triângulo da morte”, que parte da ponta do nariz e se estende para os cantos da boca – uma área extremamente sensível.

Quando alguém puxa um pelo situado nessa região, pode danificar os vasos sanguíneos.

E mesmo que seja apenas um pelinho…
 
Os vasos que drenam o sangue do nariz são os mesmos que trabalham no cérebro.

Qualquer problema neles pode nos causar algo mais grave, como meningite ou abscesso cerebral.

Entenda: os pelos microscópicos servem justamente para filtrar o ar que respiramos.

Arrancá-los seria como tirar portas e janelas de uma casa – e a consequência disso é a presença de intrusos e infecções.

A depilação no “triângulo da morta” faz com que o folículo se encha de sangue e nos torna vulneráveis a germes.

O nariz filtra o ar que respiramos por meio de pelos microscópicos chamados cílios, que movem o muco da frente para trás e eventualmente os envia para o estômago, onde são destruídos pelos ácidos.

Assim, ao arrancá-los, poderemos causar problemas, pois os germes vivem na base dos folículos pilosos.

Em resumo: quando você arranca os pelos, os microrganismos que vivem ali podem entrar no corpo e causar infecções.

Por isso, jamais arranque um pelo dessa região com pinça.

Se for necessário aparar, por questão estética, use uma tesoura.

Ainda assim, não corte muito – seja prudente.

Enfim, preserve os pelos do seu nariz – eles não estão ali por acaso.

Mais Lidas