Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Erva-mate reduz níveis de gordura

A erva-mate contém substâncias antioxidantes, capazes de combater os radicais livres – moléculas que causam danos às artérias, provocando infartos.

Os benefícios da erva-mate contra a aterosclerose foram comprovados pelo professor Edson Luiz da Silva, da Universidade Federal de Santa Catarina. Em uma pesquisa feita com coelhos submetidos a uma dieta rica em colesterol, a erva-mate conseguiu inibir a progressão da aterosclerose em cerca de 50%.

Nos humanos, segundo o professor, o consumo da erva-mate protege o plasma e as partículas de LDL, o colesterol ruim, contra a ação dos radicais livres (oxidação). Em excesso no organismo, o LDL se deposita nas artérias, dando origem à placa de gordura. Depois de ser oxidado pelos radicais livres, o LDL se deposita na parede arterial e atrai células de defesa, como os macrófagos, que engolem essa gordura e se transformam em células espumosas, um dos principais compostos da placa de gordura.

Portanto, ao inibir a oxidação do LDL, os compostos fenólicos existentes na erva-mate podem contribuir para a prevenção da aterosclerose.

*Este texto tomou como base:http://saude.abril.com.br/edicoes/0299/nutricao/conteudo_284067.shtml

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

DEIXE SEU COMENTÁRIO