domingo, 5 dezembro 2021
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Entrevista com médica Larissa Cassiano: o que é endometriose e como tratar

Nesta entrevista, a doutora Larissa Cassiano, médica ginecologista e obstetra, explica o que é endometriose, como diagnosticar e tratar o problema.

O tema endometriose causa muitas dúvidas nas mulheres e é um assunto muito presente nos consultórios ginecológicos brasileiros.

Entrevistamos a médica ginecologista e obstetra doutora Larissa Cassiano, do Doctoranytime, que respondeu a algumas perguntas sobre o tema e colaborou com seus conhecimentos sobre o assunto.

O que é endometriose?

A maioria das pessoas não conhece ou não compreende do que se trata. Na maioria das vezes, a dor causada pela endometriose é confundida como uma cólica mais intensa. O que mostra que para muitas mulheres ainda é um tema que necessitade muita atenção e informação.

Endometriose é uma condição que pode afetar mulheres de qualquer idade, em que o tecido semelhante ao revestimento do útero começa a crescer em outros lugares, tais como nos ovários e nas trompas de falópio. Esse fenômeno causa dores, similares à cólica, com diferentes intensidades.

Quais os sintomas mais comuns da endometriose?

Os sintomas mais comuns da endometriose podem ser descritos como:

  • Dor intensa na parte inferior da barriga e/ou na região pélvica.
  • Cólica excessiva, que pode até impedir que atividades normais sejam executadas.
  • Dificuldade de engravidar.
  • Dor durante a urinação e defecação enquanto menstruada.
  • Constipação, diarreia ou até mesmo sangue na urina durante a menstruação.
  • Pode também ocorrer intenso fluxo menstrual.
  • Dor durante ou após a relação sexual.

Mas toda cólica é sinal de endometriose?

Se o paciente sente muita cólica, pode ser sinal de endometriose, mas existem outras

possibilidades que podem causar cólica intensa.

Por isso, caso as cólicas persistam, é de extrema importância procurar um ginecologista para que um exame mais minucioso seja feito.

Como é feito o diagnóstico da endometriose?

Antes de entender o diagnóstico, é necessário entender um pouco mais sobre a doença a fim de, enfim, obter-se o correto diagnóstico.

A endometriose é uma doença crônica e geralmente ela pode evoluir por um tempo até

dar sinais maiores ou até mesmo os sintomas podem ser ignorados até que fiquem mais intensos.

Dessa forma, uma atenção maior aos sintomas deve ser dada para que se detecte a doença no início.

Mesmo tendo a suspeita de ser endometriose, baseado nas queixas das pacientes, e

no exame físico, o médico ginecologista geralmente formaliza o diagnóstico após a constatação baseada no exame chamado laparoscopia.

Esse exame consiste em uma câmera que desce pelo esôfago e vai até a barriga.

Uma vez na barriga, o médico consegue visualizar e biopsiar as possíveis lesões de endometriose.

Essas lesões variam em aparência e cor.

Qual é o tratamento mais indicado para endometriose?

O tratamento depende da extensão, é possível utilizar medicação hormonal, realizar

cirurgia sempre com avaliação de cada caso.

Assim, muitos são os tipos e medicações viáveis ao tratamento de endometriose.

Os tratamentos mais conservadores são com medicamentos e os mais invasivos, cirúrgicos.

Em relação aos medicamentos, anti-inflamatórios não esteroides podem ajudar com a dor severa.

A medicação para controle hormonal também ajuda com a dor.

Outra solução seria a cirurgia, removendo ou cauterizando as lesões.

A cirurgia pode aliviar a dor e realocar os ovários e as trompas de falópio em suas posições normais na pelve.

No caso da mulher ter problemas para engravidar, medicações diferentes e outros tipos de tratamento estão disponíveis.

Atenção!

É importante se consultar com um ginecologista periodicamente, principalmente se dores são persistentes ou apresentar qualquer outro sintoma descrito nesta entrevista.

- PUBLICIDADE -

Veja Também

Redes Sociais

3,436,539FãsCurtir
159,642SeguidoresSeguir
572,357SeguidoresSeguir
522SeguidoresSeguir
3,873SeguidoresSeguir
564,000InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -