quarta-feira, 25 maio 2022
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Disúria: saiba o que pode causar a dor ao urinar e como evitar esse mal

Você sabe o que é a disúria? A famosa dor, ou ardor ao urinar pode ter vários motivos. Conheça-os e aprenda a evitar o incômodo.

É difícil encontrar alguém que não tenha sentido pelo menos uma vez na vida algum desconforto ao urinar, não é mesmo?

Contudo, apesar de essa condição ser bastante comum, ela não é nada normal ou natural.

A chamada disúria, que é o nome médico desse desconforto, pode ser causado por diversos fatores.

Porém, todos os motivos apontam para uma maior sensibilização da mucosa que envolve a uretra, que é a causa do ardor ou da dor sentida.

Acontece que, quando a mucosa está hipersensibilizada ou inflamada, o contato direto com a urina quente pode ativar os receptores de dor da região.

Entretanto, para o alívio de muitos, existem formas de se evitar esse incômodo, tudo com base no conhecimento e combate aos causadores da disúria.

Veja abaixo o que pode provocar dor e ardor ao urinar, e como evitá-los.

As principais causas da disúria

Confira abaixo cinco das principais doenças que podem provocar incômodos ao urinar.

É sempre indicado permanecer em alerta, pois esses males podem se agravar e evoluir!

Cálculos renais (pedras nos rins)

As famosas e temidas pedras nos rins se formam no interior desses órgãos gêmeos como resultado do acúmulo de ácido úrico e cálcio.

O tratamento para eliminar essas inquilinas indesejadas costuma ser minimamente invasivo e dar resultados rápidos.

Porém, em alguns casos é necessário uma remoção cirúrgica das pedras.

Dentre os efeitos causados pela presença dos cálculos no sistema urinário, está o ardor e/ou dor ao urinar.

Cistite

A cistite é, junto da uretrite, o mais comum tipo de infecção urinária que existe.

Essa doença ocorre por causa da chegada de patógenos ao interior da bexiga, que então fica inflamada.

Bem mais comum em mulheres do que em homens, por causa da anatomia da uretra feminina, a cistite pode ser tratada facilmente com o uso de medicamentos.

Infecções sexualmente transmissíveis)

Como já é do conhecimento de muitas pessoas, as infecções sexualmente transmissíveis podem causar diversos distúrbios no trato urinário.

Entre esses distúrbios, estão incômodos na região genital, incluindo ardor e dor ao urinar.

Essas infecções podem ter vários nomes e causas diferentes, como a clamídia e a gonorréia, que são causadas por uma bactéria, a tricomoníase que é causada por um protozoário e a herpes genital, que é causada por um vírus.

Uso de medicamentos

O uso de alguns tipos de medicamentos, como antibióticos, pode inflamar a mucosa da uretra e causar dor na hora de urinar.

Esse efeito colateral é facilmente detectado e pode ser revertido de forma igualmente simples, com a ajuda do médico responsável por prescrever o fármaco em questão.

Uretrite

A chamada uretrite, é uma das infecções urinárias mais comuns e acontece com bastante frequência.

Essa classe de doenças, que também é prevalente entre as mulheres, é caracterizada por uma inflamação autônoma no canal da uretra, geralmente causada por vírus, bactérias ou fungos que se instalaram lá de alguma forma.

O resultado da proliferação desses microorganismos é uma fragilização dos tecidos, que ficam suscetíveis a agressões dos ácidos urinários.

Outras causas

Muitos outros fatores podem desencadear sintomas como ardor e dor ao urinar.

Alguns deles são bastante graves, como a presença de tumores no trato urinário, nos rins, na bexiga ou na próstata, no caso dos homens.

Outros, podem apontar para inflamações com grau de seriedade maior, como a vaginite, por exemplo.

Por causa disso, é indispensável visitar um médico ao sentir esses sintomas, principalmente se o ardor e/ou a dor ao urinar for persistente e aparecer sempre junto com sangue, espuma na urina e outros sinais alarmantes.

Como evitar a disúria?

Como dissemos no início do artigo, a disúria pode ser evitada de várias formas.

Isso porque, como também pudemos observar, os incômodos ao urinar podem surgir de diferentes fontes e, fechando essas fontes, é possível se livrar do problema.

Veja algumas medidas básicas que podem ser praticadas:

  • Usar sempre roupas íntimas limpas, leves e folgadas;
  • Manter relações sexuais de forma protegida, higiênica e de preferência com apenas um parceiro;
  • Evitar o uso de produtos muito perfumados na higienização das partes íntimas;
  • Não fazer duchas vaginais (no caso das mulheres);
  • Ao fazer sexo sem o uso de preservativo, urinar imediatamente após o ato e lavar os órgãos genitais em seguida;
  • Reduzir o consumo de bebidas ácidas ou quentes de mais, como álcool e café;
  • Beber bastante líquido durante o dia (água, de preferência);
  • Dentre outros.

As medidas acima citadas são para prevenção geral contra infecções como a uretrite e a cistite, por exemplo, contra doenças sexualmente transmissíveis e a formação de pedras nos rins.

Contudo, vale ressaltar que algumas causas de dor e ardor ao urinar são mais graves e precisam de acompanhamento médico especializado e personalizado.

- PUBLICIDADE -

Veja Também

Redes Sociais

3,436,539FãsCurtir
159,642SeguidoresSeguir
580,645SeguidoresSeguir
522SeguidoresSeguir
3,908SeguidoresSeguir
564,000InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -