- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Dermatite de fraldas: remédios naturais para combater a assadura em bebês

Antes de recorrer a cremes antifúngicos e antibióticos, você pode optar por remédios caseiros para combater a assadura.

Um dos problemas de pele mais comuns em bebês durante o primeiro ano de vida é a dermatite de fraldas, também conhecida como assadura.

A irritação atinge as áreas cobertas pelas fraldas, como nádegas, região púbica, face interna das coxas e períneo.

Isso ocorre porque, devido ao uso das fraldas, há o aumento da temperatura umidade local.

Como consequência, a pele fica mais propensa e sensível ao contato com a urina, fezes e substâncias irritantes, como lenços umedecidos, sabão e amaciante usados na lavagem das roupas.

Entre os sintomas mais comuns da dermatite de fraldas está a vermelhidão e/ou espinhas com líquido nas regiões afetadas.

Embora não seja um problema grave, causa desconforto e coceira ao bebê, deixando os pais preocupados durante a limpeza e troca de fralda.

Tipos e causas da dermatite de fraldas

Segundo um estudo do St Luke’s Roosevelt Hospital Center, nos EUA, essas irritações podem ser subdivididas em dermatite primária e secundária.

  • Dermatite primária: é uma inflamação aguda da pele na área da fralda, ocasionada pelo contato prolongado com urina e fezes.
  • Dermatite secundária: trata-se de erupções cutâneas devido a causas definidas.

O estudo também aponta que os principais fatores que causam essas dermatites são:

  • Excesso de umidade: quando há umidade em excesso na área da fralda,  um microclima é criado e acaba provocando a maceração da pele, deixando o local mais sensível e facilitando o atrito e a penetração de patógenos ou substâncias irritantes.
  • Atrito: quando há atrito entre a pele do bebê e a fralda podem ocorrer lesões físicas mais intensas na parte interna das coxas, genitais, nádegas e púbis.
  • Contato com a urina: a urina produz amônia, substância que agrava as lesões quando se acumula na pele inflamada e coberta de fraldas.
  • Fezes irritantes: as fezes contêm enzimas produzidas pela microbiota intestinal e, por sua vez, são irritantes para a pele, principalmente quando o pH e a função de estão alterados.

Como prevenir o seu aparecimento

Um estudo realizado pelo Departamento de Pediatria da Universidade de Maribor, na Eslovênia, enfatiza a proteção da microbiota do bebê como parte da prevenção e tratamento das assaduras.

Por isso, além de seguir os hábitos recomendados, é necessário também a promoção do aleitamento materno.



O alimento fornece probióticos e prebióticos que fortalecem o sistema imunológico do bebê, protegendo-o das infecções.

Veja a seguir alguns hábitos que são eficazes para evitar irritações na pele do bebê e, por isso, é importante levá-los em consideração.

  • Mantenha a área limpa e seca: faça a troca de fraldas com frequência, evitando, assim, a umidade e a alteração do pH da pele, secando bem as áreas cobertas pela fralda e sem esfregar, para evitar a irritação.
  • Água e sabão: o sabão deve ser neutro, para não modificar o pH e a água precisa ser limpa e de preferência morna.
  • Escolha fraldas confortáveis: opte por fraldas que tragam conforto ao bebê e também não ajuste demais, para evitar o atrito;
  • Evite perfumes: pois podem provocar ainda mais irritações  devido a sensibilidade da pele do bebê;
  • Não use cremes preventivos: evite os cremes que contenham corticosteróides, antibióticos ou antifúngicos, pois eles enfraquecem a pele e podem causar alergias.

Tratamento natural

Antes de recorrer a cremes antifúngicos, corticosteróides ou antibióticos, você pode optar pelos seguintes remédios naturais:

Gel de aloe vera (babosa)

O gel de aloe vera (babosa) contém propriedades anti-inflamatórias, cicatrizantes, hidratantes, antibacterianas e antifúngicas.

Também possui aminoácidos, enzimas, vitaminas e minerais que ajudam a hidratar a pele.

Por isso, é bastante recomendado para ajudar na regeneração da pele irritada.

Você pode usar o gel extraído de uma folha da planta ou comprá-lo em lojas de produtos naturais ou farmácia.

Depois, aplique sobre a assadura e deixe agir até fazer o efeito.

  • Importante: para usar o gel extraído da folha, é necessário remover a aloína, uma substância tóxica que pode causar irritações alérgicas na pele.

Veja aqui o passo a passo para fazer esse procedimento e deixar o gel pronto para o uso.

Vinagre de maçã

O vinagre de maçã possui propriedades antissépticas e anti-inflamatórias que ajudam a combater os microrganismos que causam infecções na pele.

Além disso, ajuda a equilibrar o pH da pele, sendo, portanto, um aliado contra a dermatite de fraldas.

Dilua uma colher (sopa) de vinagre de maçã, de preferência orgânico, em meio copo de água.

Aplique com um pano limpo sobre o local afetado, dando leves batidinhas. 

Depois, antes de colocar uma nova fralda, seque bem a pele do bebê.

Compressas anti-inflamatórias

Coloque um litro de água em uma panela, adicione folhas de malva, flores de calêndula e ferva por cinco minutos.

Desligue o fogo, tampe e deixe em infusão até esfriar.

Depois, umedeça uma gaze, coloque-a sobre a pele do bebê e deixe agir por 20 minutos.

A malva contém propriedades antimicrobianas, anti-inflamatórias, cicatrizantes e antioxidantes que ajudam a combater e prevenir doenças de pele.

A calêndula possui propriedades antifúngicas, antibacterianas e anti-inflamatórias que auxiliam na cicatrização.

Por isso é indicada para o tratamento de assaduras causadas pelo uso de fraldas e também para melhorar a aparência da pele afetada.

Banho de bicarbonato de sódio

O bicarbonato de sódio tem pH alcalino, possui propriedades antissépticas, antifúngicas e antibacterianas.

Além disso, age como esfoliante para eliminar as células mortas, pois tem ação abrasiva, ajudando a prevenir e tratar infecções na pele.

Para isso, coloque duas colheres (sopa) de bicarbonato na água do banho (na banheira) do bebê.

Deixe seu pequeno por dez minutos sobre essa água e depois seque-o com uma toalha limpa e macia.

Iogurte natural

O iogurte natural contém lactobacilos que ajudam a equilibrar a microbiota da pele do bebê e também mantê-la hidratada.

Quando for trocar a fralda, higienize a região e passe (como se fosse um creme) um pouco de iogurte natural sem açúcar e em temperatura ambiente.

Depois, coloque a fralda como de costume.

Importante!

Nenhum desses tratamentos, mesmo sendo naturais, deve ser feito sem antes se consultar o médico pediatra da criança.

Veja também:

- PUBLICIDADE -

Veja Também

Redes Sociais

3,436,539FãsCurtir
159,642SeguidoresSeguir
583,797SeguidoresSeguir
522SeguidoresSeguir
3,927SeguidoresSeguir
564,000InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -