Corinthians perde nos pênaltis para o Ituano em Itaquera

Foto: Marcos Ribolli

Após empate no tempo normal, Timão perde três penalidades e está eliminado do Paulistão.

O Corinthians foi derrotado nos pênaltis pelo Ituano, neste domingo, na Neo Química Arena, e caiu nas quartas de final do Campeonato Paulista.

Após empate em 1×1 no tempo regulamentar, o Timão abusou dos erros nas penalidades e viu o adversário avançar para as semifinais da competição.

No tempo normal, o jogo foi equilibrado. Os visitantes começaram tomando a iniciativa e surpreendendo a equipe de Fernando Lázaro.

Aos 14 min, a primeira chegada de perigo. Em rápido contra-ataque, Gabriel Barros apareceu sozinho na área e bateu forte. Cássio fez grande defesa.

O Ituano continuou em cima e abriu o placar aos 25 min. O lateral-direito Raí Ramos dominou na intermediária, ajeitou e soltou uma pancada. Cássio ainda tocou nela, mas não com força suficiente.

Com o controle do jogo retomado, o Corinthians tentava criar, mas esbarra na falta de criatividade e na ausência de Renato Augusto.

O empate veio em lance de puro oportunismo de Paulinho, aos 36 min. Adson levantou bola na área e o meio-campista, ao melhor estilo centroavante, antecipou-se à zaga e completou de cabeça.

Os donos da casa tentaram pressionar na segunda etapa, mas o Ituano se mantinha bem postado e segurava o empate.

Yuri Alberto perdeu a chance da virada aos 21 min, acertando o travessão. Três minutos depois foi a vez de Giuliano tirar tinta da trave de Jefferson Paulino.

Já nos acréscimos, Gil escorou escanteio e Fausto Vera viu a bola passar a centímetros de sua cabeça.

Nos pênaltis, Fabio Santos, Gil e Fagner erraram suas cobranças. Do lado do Ituano, Raí Ramos e Mário Sérgio também desperdiçaram.

O placar final foi 7×6 para o Galo de Itu, classificado para as semifinais do Paulistão.