- PUBLICIDADE -

Error: Embedded data could not be displayed.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Consumo de refrigerante aumenta risco de gota

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
O consumo de refrigerantes e outras bebidas açucaradas pode causar gota, de acordo com um estudo publicado no “British Medical Journal”.

O principal sintoma da gota são fortes dores nas articulações, devido à acumulação de cristais de urato monossódico.




Segundo o estudo, conduzido por cientistas americanos e canadenses, os homens que ingeriram dois ou mais copos de refrigerante por dia apresentaram 85% mais probabilidades de desenvolver a doença do que os que tomaram menos de um copo.
Os cientistas disseram que o risco de desenvolver o problema foi consideravelmente maior entre os homens que consumiram de cinco a seis copos de refrigerante por semana.


Os refrigerantes dietéticos, no entanto, não foram considerados prejudiciais, nesse aspecto, pelos especialistas.

Os investigadores acreditam que a frutose, um açúcar encontrado em refrigerantes e algumas frutas, seria responsável pelo aumento dos níveis de ácido úrico no sangue, levando a um depósito de cristais de sódio nas articulações.


Os cientistas esclareceram que outros fatores associados à doença, como índice de massa corporal, idade, pressão arterial alta e consumo de álcool, não foram considerados no estudo.


Texto adaptado de:
http://www.mni.pt/destaques/?cod=10303&MNI=44ce899aaf81a80236ab689e9d3c4a98