Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram

Conheça um fascinante método japonês que trata doenças através das mãos!

Não podemos desprezar a experiência e a sabedoria adquirida ao longo de milhares de anos de história.

Para entender o que estamos dizendo, basta voltar-se para o Oriente.

Neste caso, em particular, nós estamos olhando para um remédio fascinante que vem da antiga arte japonesa conhecida como Jin Shin Jyutsy.

Este é um tratamento que é capaz de equilibrar as emoções simplesmente estimulando certas partes das mãos.

Intrigante?

Então continue lendo esta reportagem especial e muito útil.

COMO FUNCIONA

O nome da técnica é uma homenagem ao seu criador, o filósofo Jin Shin Jyutsu.

Segundo a teoria de Jin Shin Jyutsu, cada um dos dedos está relacionado a um órgão e a partes do corpo.

Ao mesmo tempo, ela entende que cada um dos órgãos está ligado a certas emoções.

Por esta teoria, você pode controlar a saúde dos seus órgãos e as emoções através da manipulação de suas mãos.

É possível aplicar a técnica em qualquer lugar.

Você só precisa segurar os dedos e esperar pulsar.

Pode fazer em si mesmo ou aplicar a técnica em alguém.

Comece pegando os dedos da mão esquerda (ver imagens abaixo).

A intensidade do toque é firme e delicada.

Imagine que você está segurando um passarinho.

Não aperte.

Depois que começar a pulsar, espere uns 3 minutos e então mude de dedo.

Abaixo, um guia rápido do papel dos dedos e de suas relações com órgãos e emoções.

POLEGAR

Órgãos: baço, estômago e pâncreas.

Emoções: depressão, ansiedade.

Sintomas: nervosismo, dor abdominal, dores de cabeça, problemas de pele.

Ações: melhora a digestão de alimentos, ideias, pensamentos e emoções.

Ajuda a dormir melhor e nos torna receptivos ao toque e carinho.

Preocupações desaparecem.

Ajuda estômago, baço e pâncreas.

Pode interromper uma dor de cabeça que está começando.

DEDO INDICADOR

Órgãos: rim e bexiga.

Emoções: confusão, medo.

Sintomas: problemas com o sistema digestivo, dores musculares, dor de dente, dor nas costas.

Ações: traz coragem, fortalece o desejo de viver, harmoniza a circulação dos

fluidos corporais e o sistema muscular.

Dissolve o medo e as inseguranças.

Ajuda rim e bexiga.

Pode bloquear uma dor nas costas que está se iniciando.

DEDO MÉDIO

Órgãos: fígado e vesícula.

Emoções: irritabilidade, raiva.

Sintomas: enxaqueca, problemas de visão, problemas de circulação sanguínea, fadiga, dores menstruais, dor de cabeça frontal.

Ações: expande o sentimento de compaixão, a lucidez mental, a criatividade.

Regula a harmonia interior.

Elimina a raiva, frustrações e irritabilidade.

Ajuda fígado e vesícula biliar.

Melhora a visão e revitaliza a fadiga geral.

DEDO ANELAR

Órgãos: cólon e pulmão.

Emoções: tristeza, negatividade e tristeza.

Sintomas: problemas com a digestão, asma, problemas respiratórios.

Ações: Promove a alegria, a esperança, o apagamento do passado e o se abrir ao novo.

Dá vitalidade e energia ao corpo.

Afasta a tristeza e a negatividade.

Ajuda os pulmões e o intestino grosso.

Harmoniza a respiração e combate desconfortos no ouvido.

DEDO MÍNIMO

Órgãos: intestino, coração.

Emoções: baixa autoestima, relacionamento familiar, insegurança, nervosismo.

Sintomas: pressão alta, problemas cardíacos.

Ações: umenta a autoestima, harmoniza o sistema esquelético.

Termina com pretensão, julgamentos, comparações e rivalidades.

Ajuda o coração e o intestino delgado.

Pode cortar uma dor de garganta que está se iniciando.

CENTRO DA PALMA DA MÃO

Órgão: diafragma.

Emoções: depressão, desânimo

Sintomas: fadiga

Ações: traz sensação de paz profunda.

Acaba com o desânimo.

Ajuda o diafragma e o fluxo na região.

Harmoniza corpo e mente.

E OS RESULTADOS

A teoria Jin Shin Jyutsu não tem respaldo científico.

Mas e daí?

Ela resistiu por milhares de anos e foi disseminada por todo o mundo.

Então, podemos pensar que existe algum mérito nela, não é mesmo?

O processo é gratuito e rápido, não há mal em tentar.

Mas lembramos que você deve sempre consultar seu médico para tratar problemas de saúde.

Remédios alternativos devem ser usados como tratamentos complementares, e não em substituição ao tratamento prescrito por seu médico.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM