Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Conheça os graves problemas provocados pelo hábito de segurar o xixi

Sabemos que muita gente tem o hábito de segurar o xixi por causa da correria ou, até mesmo, por preguiça de ir ao banheiro.

Isso é muito perigoso, pois pode provocar infecções graves, afetando o aparelho urinário.

Aconselhamos aos pais e responsáveis que as crianças também sejam instruídas a não cometer esse tipo de erro. 

É importante entendermos que na urina há muitos microrganismos prejudiciais e, quando a seguramos, eles ficam muito tempo retidos na bexiga.

Isso pode originar infecções, que podem chegar até os rins, causando doenças ainda mais graves.

Veja algumas delas:

1. Pedra nos rins

 Poucas dores são tão terríveis como a cólica renal. 

Algumas pessoas têm mais probabilidade para sofrer com a doença do que outras. 

Fique sabendo que segurar a urina aumenta o risco de provocar infecções e pedras nos rins.


2- Cistite

Atenção, mulheres! 

Este problema ocorre principalmente com vocês! 

Cistite nada mais é do que uma inflamação na mucosa da bexiga.

Seus principais sintomas são: dor na pélvica e dificuldades para fazer xixi.

3- Alargamento da bexiga

Nas mulheres, uma bexiga normal armazena cerca de meio litro de líquido.

Nos homens, um pouco menos: em torno de 400mL.

Se você toma 2 litros de água, a bexiga pode armazenar 1 quarto desse consumo.

Então, não adianta beber muita água para hidratar o corpo, se você tem o costume de prender o xixi.

Um dos motivos pelo qual devemos beber muita água é lavar os rins e fazemos isso, justamente, no momento que eliminamos a água que bebemos.

4- Outros problemas

Outras consequências de segurar o xixi são as dores durante a eliminação, febre – que é causada pelas bactérias, incontinência urinária, pedras na bexiga,  arrepios, dores no estômago e ansiedade.

Não segure o xixi!

Como você viu, há muitos problemas de saúde que poderão ser evitados simplemente eliminando o hábito de prender a urina.


E esperamos que, com estas recomendações, você fique mais atento e mantenha a bexiga livre de resíduos, deixando os rins em perfeito estado.

Lembre-se da importância desses órgãos e entenda que é uma irresponsabilidade permitir que o comodismo retarde uma necessidade biológica, algo que poderá provocar um grave problema de saúde.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

DEIXE SEU COMENTÁRIO