Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Conheça o koubo, o doce que emagrece

Se você nunca ouviu falar do koubo, vale a pena conhecê-lo melhor.

O koubo é o fruto do mandacaru, planta tipica do Sertão do Nordeste brasileiro.

Ele é mais conhecido como pitaya.

Sua polpa é doce e suculenta e os nordestinos o utilizam como fonte alimentar ao retirar a casca vermelha.

O koubo traz inúmeros benefícios à saúde e, em especial, auxilia no emagrecimento. 

Ele age no metabolismo e sua principal ação é a quebra do glicogênio em glicose, que libera adrenalina, estimulando a liberação do hormônio glucagon do pâncreas e, consequentemente, queima a gordura e aumenta a liberação de insulina.
Dessa forma, promove a saciedade, diminui a fome e a compulsão alimentar a carboidratos.
Rica em vitamina C, proteínas, fibras, açúcares e tiramina, a substância é antioxidante, diurética, tem ação moderadora do apetite e melhora a energia corporal.
Também diminui o colesterol, a glicemia e a gordura localizada.
Para melhores resultados no efeito emagrecedor e redutor de gordura, o ideal é ser consumido antes das principais refeições.
Mas é importante lembrar que é contraindicado em pacientes diabéticos ou pré-diabéticos e em mulheres com síndrome de ovários policísticos.
O koubo manipulado sob a forma de extrato, em testes feitos com 65 voluntários, mostrou-se capaz de reduzir, em média, nove quilos em 90 dias.
Isso porque a fórmula modera o apetite, elimina gordura corporal e estimula o organismo a utilizar suas próprias reservas energéticas.

O koubo também é rico em ômega 6 e 9 – ácidos graxos que auxiliam na redução do colesterol ruim -, além da betalaina e indicaxantina, elementos que têm como objetivo promover o aumento da diurese, eliminando excesso de líquidos e toxinas.

Encontrado em farmácias de manipulação, o emagrecedor é apresentado na forma de cápsula de 200 mg.

A dose máxima aconselhada é de duas cápsulas por dia, antes do almoço e do jantar.
Mas isso não significa que o Koubo seja mágico.
Por isso o médico que indica a fórmula deve avaliá-lo junto a outros procedimentos, para que, em conjunto possam atingir o resultado esperado pelo paciente.

Testes


Foram realizados testes de comprovação científica com 65 voluntários, divididos em dois grupos.
Antes do início do teste, voluntários passaram por avaliação nutricional, controle de peso, teste de IMC (Índice de Massa Corporal), porcentagem de gordura, além de avaliações de colesterol, glicemia e triglicérides.

“Todos os pacientes emagreceram, mas os que fizeram uso do Koubo tiveram resultados superiores em relação ao grupo de controle”, diz Lorene Yassin, nutricionista e coorientadora do trabalho de testes.

Entre os 35 pacientes que usaram o produto, foi observada perda de 9,7 kg, em 90 dias.

“Os indivíduos que utilizaram o emagrecedor perderam 6,8 kg a mais que o grupo controle”, diz Simoni Marineia Braatz Valenga, orientadora da pesquisa.

Nos dois grupos foi introduzida dieta balanceada durante o período de análise.

A fórmula manipulada com 60 comprimidos custa, em média, R$ 120,00.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM