Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Como se proteger da radiação do celular

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

A exposição às ondas eletromagnéticas foi considerada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como possivelmente cancerígena.

Ou seja, para a OMS, o telefone celular pode causar câncer, porém ainda não há provas.

Na dúvida, a atitude mais inteligente é a prevenção.


Claro que, num mundo onde a quantidade de aparelhos móveis caminha para superar a de pessoas, é impossível ficar livre da poluição eletromagnética causada por esses aparelhos.

Mas existem sim medidas que atenuam a ação negativa das ondas eletromagnéticas do celular.

1. Use fones de ouvido ou o viva-voz. Não deixe o telefone ligado perto do corpo. Se tiver de deixá-lo no bolso, vire o lado do teclado para o seu corpo, pois as antenas, onde há maior radiação, ficam na parte de trás.

2. Não fale em lugares apertados e onde o sinal fica fraco, como carros e elevadores. Cuidado com gadgets que prometem proteger contra a radiação, pois a maioria piora a radiação e força o celular a transmitir com mais potência.

3. Oriente seus filhos para que enviem mais mensagens (SMS) em vez de fazer ligações. Grávidas devem manter o celular longe da barriga. E homens devem evitar carregá-lo no bolso, pois a radiação do aparelho pode prejudicar a fertilidade.

DEIXE SEU COMENTÁRIO