Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Chá de macela: conheça os benefícios da planta para o seu organismo

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O chá de macela é rico em substâncias com grande capacidade de proteger o corpo contra doenças.

Os chás naturais são uma excelente forma de nutrir o organismo e trazer mais qualidade de vida.

Conheça um pouco mais sobre a macela, uma planta brasileira muito benéfica para a saúde.

De coloração amarela com flores “peludas”, a macela é cultivada principalmente no Sul e no Sudeste.

Em algumas regiões, também é conhecida como:

  • Marcela
  • Macelinha
  • Alecrim de parede
  • Camomila nacional
  • Macela de travesseiro
  • Carrapichinho de agulha

Porém, o que muitos ainda não conhecem são as propriedades medicinais dessa planta, que auxiliam no tratamento e prevenção de diversas doenças.

A macela possui ação antiespasmódica, anti-inflamatória, relaxante muscular e antibacteriana.

Ela é encontrada em lojas de produtos naturais, supermercados e feiras livres.

A macela deve ser colhida somente quando as flores surgem – entre os meses de março e maio – para que suas propriedades terapêuticas sejam aproveitadas.

Curiosidade: na Região Sul, a macela é colhida na Sexta-Feira Santa, antes do sol nascer.

Nos estados do Nordeste, a macela geralmente floresce no mês de setembro.

Benefícios da macela

Conheça mais sobre essa planta, veja quais são seus benefícios e de que forma você pode adicioná-la à sua vida.

Ação calmante

A macela tem ação calmante, ajudando no combate do estresse e da ansiedade.

Portanto, é uma boa opção para quem quer relaxar.

Para tanto, aconselha-se beber o chá com frequência.

Além disso, é bom para quem dificuldade de dormir.

Neste caso, recomenda-se tomar o chá de macela meia hora antes de ir para cama.

Por fim, a macela também ajuda a aliviar dores de cabeça, acalmando os nervos.

De acordo com estudo realizado na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), o extrato de macela possui efeitos característicos de substâncias depressoras do sistema nervoso central.

É analgésica

O chá de macela tem ação analgésica, sendo recomendado para dor de dente, cólicas, contusões e cãibras.

É anti-inflamatória

O chá de macela possui ação anti-inflamatória.

Desse modo, é recomendado para prevenção e tratamento de problemas respiratórios e vários tipos de alergia.

É antioxidante

A macela possui compostos acetilênicos e flavonoides, que são poderosos antioxidantes.

Essas substâncias ajudam no combate aos radicais livres produzidos pelo próprio organismo.

Além disso, os antioxidantes presentes na planta aumentam o fluxo de bílis da vesícula biliar, ajudando a proteger problemas no fígado.

Por fim, a macela também ajuda potencializar processos de regeneração celular.

Com isso, ajuda a prevenir o câncer e até mesmo doenças neurológicas, como Alzheimer e Parkinson.

Ajuda na digestão

Caso você tenha dificuldade para fazer a digestão, sofre com azia, gastrite ou esofagite, pode consumir o chá de macela para aliviar os sintomas desses problemas.

Os ácidos presentes na planta ajudam o organismo a produzir ácido clorídrico estomacal, responsável pela digestão.

Ajuda no tratamento de feridas

A macela possui ação adstringente, auxiliando na coagulação e cicatrização das feridas.

Essa propriedade também permite controlar a oleosidade da pele e diminuir a aparência dos poros, que ficam menos dilatados.

Reduz a retenção de líquido

O processo inflamatório do organismo provoca uma substância aquosa chamada de edema.

Esse problema causa inchaço no organismo, podendo se acumular em diversas partes do corpo.

Devido à ação anti-inflamatória, o chá de macela ajuda a reduzir a retenção de líquido do corpo.

Com isso, contribui para a perda de peso e redução da celulite, um tipo de inflamação nas células do tecido adiposo.

Outros benefícios da macela

  • Colesterol alto
  • Controla o apetite
  • Ajuda a parar de fumar
  • Regula a desordem menstrual
  • Trata diarreia e dores de estômago
  • Controla as contrações musculares bruscas
  • Trata epilepsia, cefalgia, reumatismo
  • É eficiente na lavagem de pés com mau cheiro
  • Clareia os fios de cabelo e atua contra a queda

Chá de macela

A maneira mais comum de consumir a macela é através de chá.

Para preparar a bebida será necessário:

  • 10 g de flores de macela
  • 300 ml de água

Modo de preparo:

Primeiro ferva a água.

Logo que isso acontecer, desligue o fogo.

Adicione as flores na água, tampe o recipiente e deixe em infusão por 10 minutos.

Passado esse tempo, basta coar e consumir, sem adoçar.

Uso externo

Faça a seguinte infusão:

  • 2 colheres (sopa) de flores de macela
  • 1 litro de água

Ferva a água, coloque as flores e deixe em repouso até esfriar.

Aplique o líquido em compressas de três a quatro vezes ao dia para lavar feridas, machucados e tirar chulé dos pés.

Macela com leite

Esta bebida com macela e leite é recomendada quando os sintomas da gripe começarem a aparecer.

Ingredientes:

  • 1 colher (sopa) de flores de macela
  • 300 ml de leite
  • Mel a gosto

Como fazer:

Coloque o leite com a macela para ferver.

Quando levantar fervura e começar a borbulhar, desligue o fogo e deixe descansar por 15 minutos.

Em seguida, coe, adoce com mel e consuma na sequência.

Recomenda-se tomar antes de deitar, pois o leite quente ajuda relaxar e aliviar a tosse e os demais sintomas de resfriado.

Contraindicações

Gestantes devem consumir com cuidado, pois o chá de macela pode estimular as contrações uterinas.

Diabéticos também devem evitar o chá de macela, pois essa erva pode aumentar a hipoglicemia.

Além disso, pacientes que estejam fazendo tratamento quimioterápico jamais devem utilizar a macela.

Por fim, a macela pode provocar reações alérgicas em pessoas mais sensíveis.

DEIXE SEU COMENTÁRIO