domingo, 24 outubro 2021
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Chá de camomila e erva-doce: melhora a digestão, evita inflamações, e cólicas

Esta bebida acalma, combate a ansiedade e ajuda a regular as funções da flora intestinal, melhorando os processos do aparelho digestivo.

Os chás naturais são utilizados há muito tempo e por diversas culturas.

Essas infusões possuem funções medicinais que trazem inúmeros benefícios para o corpo e bem-estar.

Eles podem ser feitos a partir de ervas que ajudam a prevenir e tratar alguns problemas de saúde.

Portanto, se você busca uma vida saudável, é essencial incorporar bebidas naturais em sua dieta.

Pensando nisso, neste artigo, preparamos uma sugestão de chá de camomila com erva-doce.

Essa infusão possui inúmeras propriedades benéficas para o organismo. 

Confira!

Benefícios do chá de camomila com erva-doce

O chá de camomila com erva-doce ajuda a regular as funções da flora intestinal.

Com isso, melhora a digestão e os processos do aparelho digestivo, evitando inflamações, irritações, cólicas, diarreia e até flatulências.

Além disso, este chá oferece outros benefícios, como:

  • Acalma diversos tipos de dor, principalmente as relacionadas à menstruação.
  • Tem ação antiespasmódica.
  • Possui propriedades antibacterianas e antifúngicas, deixando a pele e mucosas sempre saudáveis e sem alteração nos tecidos.
  • É um analgésico natural, por isso ajuda a relaxar o corpo e reduz a ansiedade.
  • Protege os tecidos do estômago, pois contém propriedades que ajudam a melhorar a digestão e previnem distúrbios gástricos.
  • Acalma e ajuda a aliviar a ansiedade e o estresse.

Chá de camomila com erva-doce

O chá de camomila com erva-doce ajuda a reduzir inflamações e acalma o estômago.

Além disso, ajuda também na redução dos gases, acidez no estômago e regula o intestino.

Ingredientes:

  • 1 colher (sopa) de flores de camomila
  • 1 colher (sopa) de erva-doce
  • 200 ml de água
  • Mel para adoçar – opcional

Modo de preparo:

Coloque a água em uma panela e leve para aquecer em fogo médio.

Quando levantar fervura, acrescente as flores de camomila, a erva-doce e desligue o fogo.

Tampe a panela e deixe em infusão por cinco minutos.

 Em seguida coe, adoce com mel se desejar e sirva.

Todos os benefícios desse chá, descritos acima,são possíveis devido às propriedades individuais de cada uma das ervas.

Conheça melhor como cada uma delas age no seu organismo e os benefícios proporcionados para a saúde.

Benefícios da camomila

A camomila possui ação anti-inflamatória, antialérgica, antibacterianas e sedativa.

Além disso, atua como relaxante muscular e ajuda a combater problemas digestivos.

Veja a seguir os vários benefícios que a camomila oferece:

Ajuda na digestão

A camomila tem capacidade de relaxar o sistema digestivo, promovendo os movimentos necessários para que o estômago e o intestino façam a digestão corretamente.

Com isso, auxilia no alívio da dor abdominal, combate a indigestão e reduz as infecções no trato digestivo.

Alivia cólicas

Devido à sua atividade antiespasmódica, a camomila ajuda a reduzir a contração involuntária dos músculos.

Desse modo, auxilia na redução das cólicas intestinais e também dos gases e flatulência.

Diminui o inchaço

A camomila contém um composto químico chamado camazuleno, substância que ajuda a reduzir o inchaço.

Além disso, beneficia o fígado, contribuindo para que o órgão elimine a gordura acumulada.

Melhora a saúde cardiovascular

A camomila é rica em flavonoides, uma substância com ação antioxidante. 

Eles auxiliam na redução dos níveis de colesterol e também da pressão arterial.

Além disso, ajuda a controlar o índice glicêmico – a quantidade de açúcar no sangue.

Reduz ansiedade e acalma

A camomila é conhecida, sobretudo, por sua excelente ação calmante e relaxante muscular.

Ela possui propriedades sedativas que reduzem os níveis de ansiedade, estresse, acalmam e ajudam a dormir melhor.

Alivia enjoos e dores menstruais

As propriedades digestivas da camomila ajudam quem sofre de enjoos e dores menstruais.

Benefícios da erva-doce

A erva-doce possui minerais essenciais para a saúde, como potássio, cobre, ferro, cálcio, magnésio, manganês e zinco, além de vitaminas A e C.

Além disso, suas propriedades anti-inflamatórias ajudam a aliviar a azia e a diminuir o refluxo gástrico.

A erva-doce também contém outras duas substâncias que favorecem o sistema digestivo: ácido málico e anetol.

O primeiro ajuda a melhorar a digestão, enquanto o segundo diminui os gases.

Por fim, seu efeito calmante ajuda a reduzir as cólicas intestinais e o inchaço.

Mas a erva-doce possui outros benefícios:

Ajuda a controlar a pressão arterial

Devido à presença de potássio, o chá de erva-doce ajuda a controlar a pressão arterial.

Saúde do coração

A erva-doce contém vitaminas B6 e C, além de de fibras, potássio e ácido fólico, fitonutrientes que ajudam na saúde do coração.

As fibras ajudam a manter os níveis de colesterol sob controle na corrente sanguínea, reduzindo o risco de doenças cardiovasculares.

Já a vitamina B6 e o ácido fólico ajudam a evitar o acúmulo de homocisteína.

Essa substância pode causar danos nos vasos sanguíneos e provocar problemas cardíacos.

Função cerebral

A erva-doce possui potássio, um mineral eletrólito que facilita o aumento de condução elétrica ao longo do corpo. 

Com isso, age dentro do cérebro, aumentando as funções cerebrais e habilidades cognitivas.

Além do mais, é uma planta vasodilatadora, otimizando a chegada de oxigênio ao cérebro.

Na menstruação e pré-menstruação

A erva-doce é rica em fitoestrógenos, substância que ajuda a promover e regular o ciclo e o fluxo menstrual.

Esta erva também auxilia contra os distúrbios da menopausa e dores nas mamas, além de contribuir para a produção de leite em lactantes.

- PUBLICIDADE -

Veja Também

Redes Sociais

3,436,539FãsCurtir
159,642SeguidoresSeguir
569,691SeguidoresSeguir
522SeguidoresSeguir
3,857SeguidoresSeguir
564,000InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

Últimas Publicações

- PUBLICIDADE -