PUBLICIDADE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Caldo caseiro de frango: abandone o industrializado e dê mais sabor aos seus pratos

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Este caldo natural de frango não contém sódio,  aromatizantes e conservantes artificiais.

Alguns pratos ficam ainda mais saborosos quando se tem um tempero especial.

Por praticidade, costumamos usar aqueles cubos de caldo industrializados

Porém, eles contêm sal em excesso, muita gordura, açúcar, aromatizantes e conservantes artificiais.

O consumo desses produtos pode causar problemas inflamatórios no organismo, comprometer o sistema imunológico e também pode favorecer crises de gastrite.

Mas, como um bom caldo é a base da cozinha, vamos ensinar uma receita de caldo caseiro de frango.

Ele é supersaboroso e vai incrementar as receitas que você fizer na sua casa, dando muito mais sabor aos pratos.

Receita de caldo de frango caseiro

Este caldo natural de frango não contém sódio nem corantes artificiais, sendo uma excelente base para alguns pratos. 

Além disso, o preparo é lento, portanto só faça quando estiver com tempo.

Ingredientes:

  • 1 frango inteiro
  • 4 litros de água
  • 1 talo de salsão
  • 1 cenoura picada
  • 1 cebola picada
  • 3 cravos-da-índia
  • 1 maço de salsinha
  • 1 folha de alho-poró
  • 1 folha de louro
  • Pimenta-do-reino a gosto

Importante: nesta receita, não se utiliza sal, pois o caldo será usado para dar sabor a outros pratos já temperados.

Modo de preparo:

Corte o frango em pedaços e coloque em uma panela grande.

Acrescente a cenoura, a cebola e o salsão (ambos picados), cubra com a água e leve para cozinhar em fogo médio.

Enquanto isso, faça um bouquet garni – que é um conjunto de ervas amarradas com um barbante -, e reserve.

Para isso, utilize o salsão, o alho-poró, a folha de louro e a salsinha

Após 20 minutos, quando o frango levantar fervura diminua o fogo, retire a tampa e deixe ferver de forma branda por mais 1h40.

Durante esse processo de cozimento, irá se formar uma espuma, que deve ser removida com uma escumadeira.

Passado esse tempo adicione a pimenta-do-reino, os cravos e o bouquet garni e deixe cozinhar por mais duas horas.

Repita o procedimento da escumadeira, descartando a espuma que subir à superfície.

No total, o caldo demora quatro horas para ficar pronto, porém  você não precisa ficar colada no fogão.

Apenas dê uma olhada a cada meia hora.

Depois desligue o fogo, espere o caldo ficar morno e coe com uma peneira de metal.

Como armazenar

  • Curta duração: caso você utilize seu caldo em até cinco dias, coloque-o em potes de vidro com fechamento hermético e guarde na geladeira.
  • Longa duração: se for usar aos poucos, distribua o caldo em potes pequenos e armazene no freezer por até três meses.

A carne do frango você poderá utilizar como quiser no preparo de suas refeições.

Veja aqui uma receita de berinjela recheada com frango e queijo – delícia para você chupar os dedos!

Como usar:

Este caldo natural de frango pode substituir a água no preparo do arroz branco.

Da mesma forma, pode ser acrescentado no lugar da água em sopas e risotos.

Além disso, você pode utilizá-lo no molho da macarronada, molhos para saladas e até para realçar o sabor de massas.

E use sua criatividade na cozinha e empreste o sabor e os nutrientes desse caldo para outros pratos do seu dia a dia.

Mais Lidas

Todas as suas informações pessoais recolhidas serão usadas para ajudar a tornar a sua visita no nosso site a mais produtiva e agradável possível. A garantia da confidencialidade dos dados pessoais dos utilizadores do nosso site é importante para Cura pela Natureza. Conheça nossa Política de Privacidade.