Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Beber uma taça de vinho diariamente pode causar câncer

Um relatório divulgado pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca) francês, baseado nas conclusões de três renomadas instituições científicas – National Alimentation Cancer Research, Fundo Mundial de Pesquisa contra o Câncer e Instituto Americano para a Pesquisa sobre o Câncer – aponta que, em qualquer quantidade, bebidas alcoólicas podem causar câncer. O Inca coordena na França os estudos, além de orientar médicos na luta contra a doença.

De acordo com o relatório, o consumo de bebidas alcoólicas está associado ao aumento do risco de diversos cânceres, como de boca, de faringe, de laringe, de esôfago, colo-retal, do sangue e do fígado. O percentual de aumento do risco está estimado tendo como base cada copo de álcool consumido por dia. O risco varia entre 9% e 168%.

Ainda segundo o texto, o aumento do risco de cânceres de boca, de faringe e de laringe é estimado em 168% por copo de álcool consumido ao dia.

O aumento do risco é significativo a partir do consumo médio de um copo por dia. O efeito depende do volume consumido, não da bebida alcoólica.

O Brasil ocupa o 51º lugar no ranking mundial de consumo de vinho, com apenas dois litros per capita por ano. A França lidera a lista com 55,4 litros per capita por ano.

A pesquisa também revela que a ingestão de qualquer bebida alcoólica aumenta consideravelmente as chances de desenvolvimento de câncer. No ranking dos países que mais consomem cerveja, por exemplo, o Brasil está entre os dez primeiros colocados.

Fontes de pesquisa:
http://www.saudeemmovimento.com.br/reportagem/noticia_exibe.asp?cod_noticia=2953

http://www.timenews.com.br/noticia/brasil/instituto-frances-diz-que-ate-uma-taca-de-vinho-diaria-causa-cancer-34315.html

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM