Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram

Alguma coisa picou você e não sabe o que é? Ensinaremos agora como identificar as cinco picadas de inseto mais comuns!

Todo mundo já foi picado por inseto, como mosquito, carrapato e abelha.

Algumas vezes, saber que tipo de bichinho nos picou pode ser útil para aliviar a sensação de coceira, dor e inchaço.

Pensando nisso, resolvemos compartilhar com você as cinco picadas mais comuns, os sintomas e como devem ser tratadas.

1. Picada de mosquito

Geralmente a região afetada fica vermelha e inchada, como uma bolha.

Além disso, causa coceira, mas não é nada grave.

Basta passar um pouco de creme ou álcool e massagear a área para aliviar a coceira.

No entanto, se você sentir do nas articulações, febre, gânglios inchados ou outros sintomas mais graves, procure um médico.

Nesse caso, é possível que o mosquito que picou você tenha um veneno mais perigoso.

2. Picada de pulgas

Geralmente as pulgas deixam três ou quatro pontos vermelhos na pele.

Essas saliências geram fortes coceiras, então a primeira coisa que você deve fazer é aplicar um creme de calamina ou óleo de coco para reduzir a coceira.

Evite coçar  muito para não ferir a pele.

3. Picada de percevejo

Esses bichinhos são muito traiçoeiros e a picada deles pode ter efeitos diferentes em cada corpo.

Algumas pessoas, por exemplo, podem ser picadas e não sentir nada.

Outras, por outro lado, podem ter alergia e sofrer danos na pele, como: inchaço, coceira e dermatite.

Lave a área com sabão e água, mas não deixe de procurar um médico.

4. Picada de aranha

Não é um inseto (é um aracnídeo), mas resolvemos incluí-la nesta relação porque problemas com aranhas são muito comuns.

Na maioria das vezes, a picada de aranha é inofensiva, exceto quando se trata de viúva-negra ou reclusa-parda.

No entanto, se uma picar você, lave a região com água e sabão.

Em seguida, aplique gelo.

Se o inchaço continuar, vá ao médico imediatamente.

5. Picada de carrapato

Também não é um inseto.

Acredite: assim como a aranha, é um aracnídeo.

E geralmente vive em cavalos, cachorros e gatos.

Ele é tão perigoso quando pica uma pessoa que pode ser a causa de uma série de doenças gravíssimas.

A picada de carrapato deixa a pele com uma roda vermelha enorme.

O primeiro passo é remover o bichinho com uma pinça.

Não passe óleo nem submeta sua pele ao calor, apenas lave com água e sabão.

Depois procure um médico para descartar algum tipo de complicação mais grave.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM