PUBLICIDADE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

Alecrim: 10 incríveis benefícios dessa planta para a saúde

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Conheça agora dez dos principais benefícios do alecrim para a saúde e comece a usar essa planta poderosa hoje mesmo.

O alecrim é extremamente conhecido e elogiado em todo o mundo.

Seu nome científico é Rosmarinus officinalis e a planta é facilmente encontrada em feiras livres, supermercados e lojas de produtos naturais.

Entre os usos da erva, os chás feitos com ela são os mais populares.

Mas as propriedades do alecrim também podem ser absorvidas quando a planta é consumida em forma de tempero, por exemplo.

Além disso, o alecrim é usado para produção de aromatizantes e até de tinturas em algumas regiões.

Neste artigo, apresentaremos dez dos principais benefícios do alecrim.

Acompanhe com atenção!

Os 10 principais benefícios do alecrim

Melhoria da memória

O alecrim funciona como um poderoso estimulante cognitivo, atuando na melhoria das conexões dos neurotransmissores do cérebro.

Esse efeito acaba protegendo o cérebro e todo o sistema nervoso de desgastes e degeneração, prevenindo doenças como o mal de Alzheimer e melhorando a memória.

Estimula o fluxo sanguíneo

Os nutrientes presentes no alecrim aumentam a produção e fortalecem os já existentes componentes do sangue, aumentando o fluxo sanguíneo e o metabolismo, além de promover a limpeza do sangue.

Um metabolismo mais rápido e um sangue mais fluido previnem doenças como as cardíacas, além de evitar inflamações e a degradação de órgãos como o fígado.

Combate o estresse e a ansiedade

A aromaterapia é uma das formas em que o alecrim é usado.

O procedimento consiste em seções de terapia em que indivíduos são expostos a incensos feitos com a planta.

O aroma do alecrim possui a capacidade de acalmar e relaxar a musculatura, combatendo o estresse e a ansiedade, além de ajudar a regular o sono.

Alivia a dor de cabeça

O alecrim possui propriedades analgésicas e anti-inflamatórias.

Logo, ao ingerir o chá da planta, por exemplo, as substâncias presentes na sua composição terão atuação forte em dores provocadas por inflamações.

Por ser um local de intenso fluxo sanguíneo, a cabeça é rapidamente alcançada pelos princípios ativos do alecrim, tendo dores e desconfortos sanados em pouco tempo.

Estimula o crescimento de cabelo

Por ser um poderoso estimulante da atividade sanguínea, o alecrim pode ser um aliado na irrigação dos folículos capilares.

A queda de cabelo acontece justamente por causa da obstrução desses bulbos.

Mas as propriedades contidas no alecrim fazem com que o sangue “corra” mais no couro cabeludo, levando nutrientes e ativando os folículos, que por sua vez geram os cabelos.

Combate inflamações

Devido às suas famosas propriedades antiinflamatórias e analgésicas, o alecrim é usado para tratar diversos tipos de inflamações.

Além disso, é eficaz contra dores provocadas pela artrite, nervo ciático, gota e dores nas costas.

A planta também possui propriedades antiespasmódicas, podendo ser usada para combater cólicas menstruais.

Fortalece o sistema imunológico

Em tempos de pandemia, tudo aquilo que vier para dar uma força ao sistema imune é muito bem-vindo.

O alecrim possui elementos fitoquímicos como ácido rosmarínico, ácido betúlico, carnosol e ácido cafeico.

Essas substâncias aumentam a capacidade do sistema imunológico de atacar radicais livres e patógenos como vírus e bactérias.

Pode ser usado para tratar problemas respiratórios

As propriedades anti-iflamatórias, antiespasmódicas, antibacterianas e calmantes do alecrim atuam conjuntamente para acabar com problemas respiratórios.

Esse conjunto de benefícios da erva ataca os patógenos que dificultam a respiração através de infecções no pulmão ou na laringe, por exemplo.

Ao mesmo tempo, relaxam a musculatura respiratória, facilitando a passagem de ar.

Melhora a digestão

As substâncias contidas no alecrim melhoram o funcionamento do estômago e do intestino, uma vez que aumentam a produção de bile, substância que trabalha na dissolução de gorduras.

O melhor funcionamento de intestinos e estômago, causado pelo alecrim, diminui as flatulências e congestões intestinais.

Além disso, patógenos existentes no sistema digestivo são eliminados pelos antioxidantes e nutrientes da erva, o que aumenta o apetite.

Evita que o nível de açúcar no sangue aumente

O alecrim atua como um regulador metabólico, impedindo que determinadas substâncias se acumulem no organismo.

Com isso, o açúcar é metabolizado da forma correta, evitando que se contraia diabetes ou até mesmo controlando a diabetes do tipo 2 em indivíduos já acometidos.

Mais Lidas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a nossa Política de Privacidade.