- PUBLICIDADE -

Error: Embedded data could not be displayed.
Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

9 tratamentos naturais para você eliminar a dor no nervo ciático

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O nervo ciático é um dos maiores nervos do corpo.

Para você ter ideia, ele começa na parte inferior da coluna, passa pelas nádegas e desce até o pé.
 
Este nervo garante movimento, sensação e força nas pernas.

Infelizmente, cerca de 40% da população mundial sofrerá com dor ciática em algum momento da vida.

A ciática é uma condição que pode causar dor, dormência, formigamento e fraqueza nos membros inferiores, mas muitas vezes é confundida com dor lombar ou até mesmo cãibra.

Ela começa com certa pressão sobre o nervo, e depois continua com uma dor nas costas até as pernas.

Há quem sinta uma leve dor e dormência ou uma sensação aguda, ardente e extremamente dolorosa que afeta um lado do corpo.

A dor e o desconforto podem deixar uma pessoa na cama, sem condições de se mexer.

Por causa disso, muitos apelam para remédios como ibuprofeno ou alguma outra medicação de venda livre para aliviar a dor.

Neste artigo, vamos dar a você nove alternativas naturais para combater esse mal.

Confira:

1. Acupuntura

A acupuntura estimula o fluxo de energia e também contribui para o funcionamento adequado do nervo.

Você deve sentir algum alívio após o primeiro tratamento, mas a maioria das pessoas só percebem a diferença depois de algumas sessões.

Esse método está cada vez mais popular.

2. Quiropraxia

Estudos mostraram diferentes níveis de eficácia no tratamento feito com quiropraxia.

Com ele, você pode restaurar a mobilidade, melhorar o funcionamento das articulações, reduzir a inflamação, diminuir a dor e promover a cura natural.

3. Gelo

Cubos de gelo podem fazer maravilhas para proporcionar alívio imediato para a ciática.

Aplique os cubos diretamente na área afetada por 20 minutos.

Faça isso a cada duas horas, até que a dor desapareça completamente.

4. Choque térmico

Os cubos de gelo são uma forma comprovada de obter alívio instantâneo, mas o nervo ciático está localizado no interior do corpo, de modo que o gelo pode não alcançar a inflamação.

Sendo assim, aplique uma bolsa quente, logo depois de passar o gelo.

Ou, se possível, tome um banho quente.

Ao alternar a temperatura, você pode aumentar a circulação e o fluxo linfático.

Isso reduzirá a inflamação mais profunda e ajudará no processo de cura.

Para resultados ainda melhores, adicione sal de Epsom, ervas anti-inflamatórias ou óleos essenciais ao seu banho.

5. Ioga

Quando você sofre com dor na ciática, se movimentar é uma tortura.

No entanto, é importante se mexer para que a dor não aumente.

Por isso, recomenda-se fazer exercícios leves de ioga.

Assim, eles irão estimular o fluxo sanguíneo, fortalecer os músculos das costas e melhorar a sua mobilidade.

Mas só faça os exercícios sob a orientação de um mestre de ioga.

6. Massagem

Massagens mais profundas demonstraram grande sucesso no tratamento de espasmos musculares, dor e dormência nas pernas e dedos dos pés.

7. Ervas e óleos

A natureza fornece muitas ervas que têm efeitos benéficos e podem ajudar a aliviar a dor e reduzir a inflamação.
 
Você pode desfrutar dos benefícios desses ingredientes através de cápsulas, chás, pomadas e óleos.

Mas antes consulte o seu médico ou um profissional especializado em fitoterapia porque algumas ervas podem interferir na eficácia de alguns medicamentos.

A seguir está uma lista de ervas que você pode usar para tratar a dor, a inflamação e melhorar a saúde do nervo:

  • Unha-de-gato
  • Açafrão-da-terra (combinar com pimenta-do-reino para potencializar o efeito)
  • Arnica
  • Erva-de-são-joão
  • Raiz de verbasco
  • Camomila
  • Lavanda
  • Flor de tília
  • Alcaçuz

8. Vinagre de maçã

Este tratamento é sensacional e é o nosso preferido pois é superaprovado pelos leitores do Cura pela Natureza.

Ele deve ser feito à noite, antes de dormir.

Em um balde de 20 litros, coloque água quente até a metade.

Ponha a água na temperatura mais quente que possa ser suportada pelos pés.

Depois acrescente um punhado de sal e meio litro de vinagre de maçã.

Mexa bem essa mistura.

Coloque os pés dentro do balde e os mantenha lá até que a água esfrie.

Ao tirar os pés, enxugue e envolva-os em uma toalha seca e vá direto para a cama para dormir.

É preciso manter os pés aquecidos.

Por isso durma com uma toalha, um lençol ou colcha envolvendo-os para que fiquem bem aquecidos.

No outro dia, saia da cama com sandálias e não pise no solo sem elas.

Até na hora de tomar banho, use sandálias.

Faça uma vez e, se a dor passar logo no primeiro dia (o que é bem provável), fique repetindo-o a cada seis meses.

Hipertensos, devido ao sal, não devem fazer este tratamento.

9. Sono

Por fim, recomenda-se uma boa noite de sono.

O relaxamento dos nervos é muito importante para o corpo.

O sono e descanso ajudarão a reconstruir e fortalecer seus nervos.

Importante:

Se os sintomas e a dor durarem mais do que algumas semanas, consulte um médico.