Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

9 melhores alimentos para aliviar os sintomas da menopausa

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Se você entrou ou ainda vai entrar na menopausa,  fique atenta a este artigo para descobrir quais os 9 melhores alimentos para aliviar os sintomas da menopausa.

Se você está sentindo coceira e secura vaginal, ondas de calor, insônia, irritabilidade, dores de cabeça e redução de libido, fique alerta.

Você pode estar entrando na menopausa.

menopausa é uma fase da vida da mulher em que ocorre a interrupção natural da menstruação, pois os hormônios femininos (estrogênio e progesterona) já não são mais produzidos pelos ovários.

Normalmente, a menopausa acontece entre os 48 e 51 anos de idade.

Mas calma!

Há alternativas muito simples e saborosas para diminuir esses sintomas e melhorar sua qualidade vida, mesmo durante a temida menopausa.

Nós fizemos uma seleção muito especial com os 9 principais alimentos para aliviar os sintomas da menopausa:    

Sementes de Linhaça

Esta é uma das sementes comestíveis mais famosas por seu alto teor de proteínas.

A semente de linhaça é recomendada não só para aliviar sintomas da menopausa, mas também para mulheres de todas as idades. 

 Isso porque a linhaça é rica em ácidos graxos, ômega 3, sais minerais e vitamina A.

Além disso, as sementes são cheias de fitoestrógenos, que simulam a ação do estrogênio, justamente o que falta durante a menopausa, sendo um dos grandes causadores dos sintomas indesejados.

Para potencializar os efeitos da linhaça, moa ou tritura os grãos. 

Você pode incluir em preparações como bolos, tortas, sopas ou acrescentar em frutas, iogurtes, vitaminas.

Algas marinhas

A alga marinha, famosa na culinária oriental, é um alimento rico em iodo, fundamental para manter a saúde do coração em dia. 

Além disso, possui bastante magnésio, fundamental para ajudar na prevenção de inflamações das artérias coronárias, enxaquecas, sintomas da asma e menopausa.

Óleo de coco extravirgem

O óleo de coco extravirgem  é altamente rico em estrogênio e, por isso, deve ser bastante consumido durante a menopausa. 

O óleo de coco pode aumentar os níveis de HDL (colesterol bom), especialmente no caso das mulheres na menopausa, e também atuar na diminuição de colesterol total.

Suas propriedades antioxidantes também previnem doenças cardiovasculares.

Veja também como fazer tratamento caseiro para rugas e cicatrizes com óleo de coco.

Mirtilo

Uma das principais razões pelas quais o mirtilo pode ser considerado um dos alimentos mais importantes, especialmente durante a menopausa, é que eles são ricos em antioxidantes.

Os antioxidantes são fundamentais para combater os sintomas da  menopausa, auxiliando ainda na saúde cardiovascular da mulher. 

Isso acontece porque os sintomas da menopausa incluem a baixa produção de tiroxina, que pode degradar a saúde cardiovascular. 

Descubra como o suco de mirtilo melhora memória e aprendizagem em idosos.

Amêndoas

As amêndoas são talvez o melhor alimento para ser consumido durante a menopausa. 

Elas são ricas em ácidos graxos essenciais, que combatem a redução dos níveis de estrogênio como um todo, comum durante a menopausa. 

Consuma amêndoas diariamente, durante o café da manhã ou almoço.

Aprenda a fazer receita de queijo de amêndoas sem lactose.

Soja

Muitas pessoas não sabem, mas a soja é cheia de proteínas. 

Isso é o que faz dela um alimento essencial durante a menopausa. 

O grão é conhecido por conter isoflavona, um fitoestrogênio que “imita” características do estrogênio.

O estrogênio  é o hormônio feminino que a mulher passa a produzir em menor quantidade quando entra no climatério (período que antecede a menopausa). 

Aveia

A aveia é um conhecido cereal rico em fibras.

Ela pode ser encontrada na forma de farinha, flocos e farelo.

A aveia ajuda na regulação do trato intestinal e na diminuição de peso, o que faz dela também uma poderosa aliada no combate à tristeza e até mesmo da depressão, sintomas comuns da menopausa.

Alho

 O alho fortalece o sistema imunológico e ajuda o corpo a combater doenças. 

E mais: o consumo regular de alho diminui a perda de massa óssea, aumentando o estrogênio nas mulheres. 

É possível dizer que uma dose diária do extrato de alho seco (igual a 2 gramas de alho bruto) diminuiu significativamente um marcador de deficiência de estrogênio nas mulheres.

Conheça 8 motivos para você comer alho todos os dias.

Cenoura

A cenoura crua é rica em betacaroteno (vitamina A) e vitamina C.

Isso pode suprir a deficiência de nutrientes, muito comum durante a menopausa. 

A cenoura possui forte atividade antioxidante e por isso previne o envelhecimento precoce da pele, dos vasos sanguíneos, além de diminuir o risco de câncer de mama e útero.

Inclua cenoura em sua alimentação diária. 

Veja como preparar suco de cenoura com limão: uma verdadeira fonte de vitaminas.