Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

8 ocasiões em que o choro pode ser sinal de algo muito sério no seu corpo

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Se você sentir que seu choro é excessivo e que não tem controle sobre suas emoções, isso pode significar que algo mais sério está acontecendo.

Você chora muito?

E já se perguntou qual o motivo de tantas lágrimas?

Pois seja lá qual for a sua razão, “o choro é uma excelente maneira de liberar emoções e processar situações difíceis”, explica a doutora Gail Saltz, professora associada de psiquiatria da Escola de Medicina Weill-Cornell do Hospital Presbiteriano de Nova York. 

Mas atenção: se você sentir que seu choro é excessivo e que não tem controle sobre suas emoções, isso pode significar que algo mais sério está acontecendo.

Veja os possíveis problemas por trás de tanto choro, segundo especialistas. 

Depressão

A depressão é um distúrbio de humor que pode provocar crises de choro incomum. 

“Se você teve uma mudança no quanto está chorando e é consistente com seu humor, deve pensar em depressão”, diz Saltz. 

Tristeza permanente, desesperança ou vazio, perda de interesse, distúrbios do sono e fadiga são alguns dos sintomas da doença.

Veja 7 formas de tratar a depressão sem nenhum remédio químico. 

Ansiedade

As lágrimas, junto com preocupação excessiva, irritabilidade e dificuldade de concentração, são um sinal de transtorno de ansiedade. 

Se você perceber que está sentindo excesso de ansiedade, consulte um profissional.

Até lá, veja 5 estratégias simples para controlar a ansiedade e os ataques de pânico.

Trauma precoce

Mulheres que tiveram uma infância traumática, ou sofreram eventos traumáticos extremos, frequentemente choram mais do que o que é considerado normal,

Isso ocorre porque o sistema nervoso simpático sofre trauma ou ansiedade na mesma maneira somática de resposta, independentemente da escala de quão traumático o evento é realmente.

Estresse

Quando o corpo lida com sentimentos fortes, o “cérebro sensível” domina o “cérebro pensante”, permitindo que as lágrimas fluam mais facilmente.

Além disso, é importante dizer que os níveis de cortisol  também aumentam com o estresse, podendo intensificar a hipersensibilidade e a reatividade a uma situação estressante.

Personalidade

A personalidade é muito particular e cada pessoa tem a sua.

A personalidade pode ser caracterizada pela coleção de comportamentos, traços e cognições. 

E, claro, algumas pessoas têm personalidades mais sensíveis do que outras. 

Hormônios

São os hormônios que controlam funções corporais como fome, reprodução, emoções e humor.

Qualquer coisa que cause uma mudança nos hormônios, como tempo pré-menstrual, pós-parto ou menopausa pode fazer com que as mulheres chorem mais facilmente. 

Mulheres

As mulheres são mais acostumadas ou criadas para externar seus sentimentos.

Isso significa que o choro, uma expressão típica de tristeza, luto ou vulnerabilidade, é mais familiar para elas. 

Efeito pseudobulbar

O PseudoBulbar afeta (PBA) é uma condição neurológica que afeta suas emoções após uma lesão cerebral traumática ou distúrbio na parte do cérebro que controla a emoção. 

Se você não costumava ser um chorão, mas está tendo crises de choro, risadas incontroláveis ​​ou raiva que não são consistentes com o seu humor, pode ser um efeito pseudobulbar. 

Isso pode ser consequência de inúmeras situações de lesão cerebral, como um derrame, lesão orgânica, demência e muito mais.