segunda-feira, 25 outubro 2021
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Os 7 melhores chás para combater infecção urinária

Conheça e aprenda como fazer sete tipos de chás que são remédios caseiros poderosos contra a perigosa infecção urinária.

A infecção urinária é um mal que atinge sobretudo as mulheres.

Essa enfermidade se dá basicamente por um ataque de bactérias presentes no intestino à uretra.

Como o canal da uretra das mulheres é mais curto, essas bactérias podem chegar lá de forma mais simples.

Além disso, no corpo feminino há uma proximidade maior entre o ânus e a região genital, o que também favorece o trânsito bacteriano.

O tratamento para a infecção urinária é simples e costuma ter um bom prognóstico, com medicamentos receitados por médicos.

Entretanto, existem opções naturais para tratar esse tipo de infecção, e vamos apresentar algumas logo abaixo.

Conheça as receitas de sete poderosos chás que combatem a infecção urinária, sendo um santo remédio para a doença.

7 receitas de chás que combatem a infecção urinária

As infusões que apresentaremos abaixo são feitas com plantas que contêm substâncias que neutralizam a ação das bactérias que provocam a infecção urinária, ao mesmo tempo que impedem a sua proliferação.

Todas as sete plantas-base para os chás possuem ação anti-inflamatória, antimicrobiana e antioxidade.

Além disso, os chás são todos diuréticos, favorecendo a eliminação de impurezas pela urina.

Chá de cabelo de milho

Ingredientes:

  • 500ml de água
  • 18g de cabelo de milho seco

Modo de preparo:

Coloque a água em um recipiente e leve ao fogo para ferver.

Antes que a fervura aconteça, adicione o cabelo de milho e tampe a panela.

Quando a infusão ferver, desligue o fogo e deixe apurar por cinco minutos.

Em seguida, coe e sirva o chá.

Atenção: este chá é contraindicado para pessoas que possuem hipertensão arterial.

Chá de equinácea

Ingredientes:

  • 500ml de água
  • 18g de folhas de equinácea frescas

Modo de preparo:

Coloque a água para ferver e, quando começar a entrar em fervura, desligue o fogo e adicione as folhas de equinácea.

Tampe a panela com a água e as folhas e deixe descansar por dez minutos.

Passado esse período, é só coar e servir.

Atenção: o chá de equinácea não é recomendado para mulheres grávidas ou que estejam amamentando.

Chá de aroeira

Ingredientes:

  • 500ml de água
  • 18g de casca de aroeira

Modo de preparo:

Pegue uma panela e coloque a água junto com a casca de aroeira.

Em seguida, coloque a mistura para ferver.

Quando a fervura vier, desligue o fogo e espere cinco minutos.

Passado esse tempo, coe o chá e sirva-o.

Chá de cavalinha

Ingredientes:

  • 500ml de água
  • 18g de folhas de cavalinha

Modo de preparo:

Coloque a água para ferver, mas antes que ferva adicione as folhas de cavalinha.

Quando a mistura estiver fervendo, desligue o fogo e aguarde dez minutos.

Em seguida, basta coar o chá para bebê-lo.

Atenção: o chá de cavalinha não é recomendado para mulheres grávidas ou que estejam amamentando.

Chá de cúrcuma

Ingredientes:

  • 250ml de água
  • 20g de cúrcuma em pó (pó de açafrão)

Modo de preparo:

Coloque a água para ferver.

Em seguida, adicione o pó de cúrcuma à água, mas faça isso antes que ela ferva.

Espere a mistura ferver e então desligue o fogo.

Por fim, deixe tudo descansar por dez minutos e consuma em seguida.

Atenção: o chá de cúrcuma não é recomendado para indivíduos portadores de pedra na vesícula.

Chá de mil-folhas

Ingredientes:

  • 500ml de água
  • 18g de folhas secas de mil-folhas

Modo de preparo:

Coloque a água para ferver.

Quando a água estiver fervida, desligue o fogo e adicione as folhas secas de mil-folhas.

Logo depois, tampe a panela e deixe a mistura esfriar e apurar por cinco minutos.

Passado esse tempo, coe o chá e sirva.

Chá de tanchagem

Ingredientes:

  • 500ml de água
  • 18g de folhas frescas de tanchagem

Modo de preparo:

Para começar, coloque a água para ferver.

Quando a água estiver fervendo, desligue o fogo, adicione as folhas de tanchagem e tampe a panela.

Por fim, aguarde cinco minutos para que a infusão aconteça e, passado esse período, coe e sirva o chá.

Atenção: O chá desta planta, também conhecida como tansagem ou tranchagem, não é recomendado para gestantes, lactantes e pessoas com doenças cardiovasculares.

Importante

As dicas apresentadas não substituem uma avaliação e as recomendações médicas.

Portanto, ao sentir os sintomas de infecção urinária, visite um médico imediatamente e jamais se automedique.

E, como frisamos ao final de algumas receitas, os chás apresentados podem ser contraindicados para algumas pessoas.

Por isso, se algum efeito adverso proveniente do consumo das infusões aqui apresentadas for sentido, o uso deve ser interrompido imediatamente.

- PUBLICIDADE -

Veja Também

Redes Sociais

3,436,539FãsCurtir
159,642SeguidoresSeguir
569,739SeguidoresSeguir
522SeguidoresSeguir
3,858SeguidoresSeguir
564,000InscritosInscrever
- PUBLICIDADE -

Últimas Publicações

- PUBLICIDADE -