Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram

3 segredos do tempo da vovó para você eliminar rinite e sinusite em pouco tempo!

O assa-peixe roxo é uma planta nativa do Brasil.

O chá de suas folhas é empregado no tratamento de crises de bronquite e infecções do aparelho respiratório.

A infusão de suas raízes é utilizada externamente em compressas no tratamento de reumatismo e infecções cutâneas.

O xarope dessa planta é muito recomendado para tratar rinite e sinusite.

A receita é simples.

INGREDIENTES

1 xícara de folhas picadas de assa-peixe

1 quilo de açúcar

2 litros de água

MODO DE PREPARO

Cozinhe em fogo médio até virar xarope.

O tempo para ficar no ponto de xarope é de cerca de 2 horas.

Depois espere esfriar e guarde num vidro.

Tome uma colher (sopa) três vezes por dia.

Faça isso e você vai surpreender, mais uma vez, com o poder de cura da natureza.

Encontra-se a planta assa-peixe em casas de ervas medicinais ou em lojas de produtos naturais.  

Você pode comprar também na internet, em lojas virtuais de chá.

Mais duas receitas

1. Chá de amora e eucalipto

INGREDIENTES

1 litro de água

1 folha de eucalipto

2 folhas de amora

MODO DE PREPARO

Pela manhã, em jejum, ferva um litro d’água em panela de vidro ou inox.

Desligue o fogo e acrescente uma folha de eucalipto (da fininha) mais duas folhas de amora.

Tome esse chá durante o dia e sempre nos momentos de crise.

2. Chá multiervas

INGREDIENTES

1 litro de água

1 colher (sopa) de hortelã

1 colher (sopa) de urtiga

1 colher (sopa) de flores de sabugueiro

1 colher (sopa) de flores de crisântemo

MODO DE PREPARO

Ferva 1 litro de água.

Quando a água ferver, desligue o fogo e ponha imediatamente as ervas.

Feche a panela.

Deixe descansar por uns 15 minutos.

Passado esse tempo, pode coar e servir.

Tome três xícaras por dia até controlar a crise (o que deve ocorrer logo).

Todas as ervas deste chá você também encontra em

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email

DEIXE SEU COMENTÁRIO

VEJA TAMBÉM