Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no linkedin

14 remédios caseiros para refluxo ácido

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Livre-se do refluxo gastroesofágico com estes 14 remédios caseiros.

Refluxo gastroesofágico é, segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria, ‘’a volta do conteúdo do estômago para o esôfago’’.

E como no estômago existe além dos alimentos o ácido clorídrico, necessário para a digestão, o refluxo pode ser ácido, principalmente quando não há o alimento.

O problema é que ele pode destruir o esmalte dos dentes e também causar asma, sinusite crônica e bronquite e, em casos extremos, câncer de garganta.

Continue a leitura deste artigo para saber como se livrar do refluxo usando os seguintes remédios caseiros:

  • Tome vinagre de maçã
  • Não durma com o estômago cheio 
  • Diminua a ingestão de líquidos nas refeições
  • Coma menos quantidade, mais vezes
  • Diminua o consumo de remédios gordurosos
  • Consuma canela após as refeições
  •  Mastigue sementes de erva-doce
  • Consuma cardamomo
  • Emagreça e evite roupas apertadas
  • Tome chá de gengibre
  • Use bicarbonato de sódio
  • Cuidado com o que come
  • Pare de fumar
  • Faça exercício físico

Vinagre de maçã

Antes das refeições, tome 1/3 de colher de chá de vinagre de maçã.

Mantenha o vinagre na boca por alguns segundos antes de engolir. 

Isso estimulará a saliva e também fará com que os sucos estomacais fluam mais rapidamente. 

Não durma com o estômago cheio 

Se você vai dormir com o estômago cheio, os sintomas de refluxo ácido, como dor de estômago, queimação na garganta, aperto e arroto esofágico podem aumentar. 

Por isso, espere pelo menos duas horas para se deitar. 

Diminua a ingestão de líquido nas refeições

Quanto mais líquidos você bebe durante as refeições, mais os alimentos dentro do estômago incham, fazendo com que os ácidos retornem ao esôfago. 

Caminhe um pouco após as refeições e beba líquidos apenas meia hora depois de comer. 

 Coma menos quantidade, mais vezes

Em vez de comer três refeições grandes, é melhor comer quatro a seis refeições menores. Este também é um dos melhores remédios caseiros para azia durante a gravidez. 

Diminua o consumo de remédios gordurosos

Reduza a ingestão de alimentos gordurosos e frituras. 

Consuma canela após as refeições

A canela é um ótimo remédio caseiro para alívio da azia. 

Estimula a saliva e os ácidos estomacais, além de regularizar a digestão.

Mastigue sementes de erva-doce

Mastigue as sementes ou faça chá de erva-doce e beba todos os dias. 

Consuma cardamomo

Um dos melhores remédios caseiros para azia durante a gravidez é o cardamomo.

Mastigue as vagens de cardamomo após as refeições – elas também atuam como refrescante natural do hálito.

Você também pode fazer chá de cardamomo e beber duas vezes ao dia para obter alívio da azia, gases e indigestão.

Emagreça e evite roupas apertadas

Faça caminhadas diárias, respire profundamente e limite as porções de alimentos.

Isso o ajudará a perder peso.

Roupas apertadas tendem a pressionar o estômago, causando azia, flatulência e gases.

Evite!

Tome chá de gengibre

O gengibre relaxa os músculos que revestem as paredes internas do esôfago e evita que ele transporte o ácido para cima na garganta. 

Beba o chá de gengibre de 2-3 vezes ao dia. 

(Não beba chá de gengibre se tiver cálculos biliares, pois pode aumentar a produção de bile).

Use bicarbonato de sódio

Adicione uma colher de chá de bicarbonato de sódio a 200mL de água potável.

Beba isso uma ou duas vezes por dia para neutralizar o excesso de ácidos no estômago, esôfago e garganta.

Cuidado com o que come

A cafeína aumenta a produção de ácido no estômago.

Você encontrará cafeína no café, chá, chocolates e refrigerantes e até em remédios para enxaqueca.

Alimentos como tomate, alho, hortelã, fritura, alimentos gordurosos, álcool, leite e frutas cítricas também dever ser evitados.

Alimentos ricos em fibras e alimentos gordurosos demoram a sair do estômago.

E o leite (por incrível que pareça) estimula o estômago a produzir mais ácido.

Pare de fumar

A nicotina nos cigarros limita a produção de saliva.

A saliva é a defesa natural contra o excesso de ácido estomacal.

Fumar também deixa a boca muito seca e inibe a digestão adequada dos alimentos. 

Faça exercício físico

Aqueles que levam um estilo de vida sedentário geralmente correm maior risco de azia, refluxo ácido, indigestão e obesidade. 

A caminhada é o melhor exercício para quem sofre de refluxo ácido com frequência. 

Se os sintomas de azia e refluxo ácido forem acompanhados de dor no peito, consulte um médico imediatamente para descartar um ataque cardíaco. 

Veja  mais sobre as comidas que você deve evitar para não ter refluxo estomacal

DEIXE SEU COMENTÁRIO